Você é uma daquelas pessoas que desde quando era criança adora desmontar aparelhos eletrônicos só para ver “o que tem dentro”? Bem, eu sou, e, mal posso contar quantas vezes que já paguei caro pela minha curiosidade.

Provavelmente já sabendo da existência de seres curiosos como nós, a Valve decidiu gravar um vídeo ensinando a abrir um Steam Deck, substituir algumas das suas peças e mostrando várias razões pelas quais você não deveria fazer isso.

Conheça as entranhas do Steam Deck

O Steam Deck é um console portátil criado pela Valve, desenvolvido para rodar jogos de PC. O console é basicamente um PC portátil rodando uma nova versão do SteamOS (a distribuição Linux da Valve).

Para saber mais sobre o console/PC portátil da Valve, confira o vídeo a seguir:

Como se faz e porque não fazer

O Steam Deck possui peças caras e frágeis, desenvolvidas especialmente para o mesmo. Isso faz com que a manutenção das partes internas do dispositivo por pessoas sem o devido treinamento seja extremamente perigosa, podendo causar danos irreparáveis às peças do produto.

This is a video about opening up a Steam Deck to replace one or more of the components inside it. In one way this is a “how-to” video, but in another way is a “why you really shouldn’t do it” video. Even though it’s your PC, or it will be once you’ve received your Steam Deck, and you have every right to open it up and do what you want, we at Valve really don’t recommend that you ever open it up. The Steam Deck is a very tightly designed system, and the parts are chosen carefully for this product with its specific construction, so they aren’t really designed to be user-swappable.

Este é um vídeo sobre como abrir um Steam Deck para substituir um ou mais dos componentes dentro dele. Por um lado, este é um vídeo ensinando a fazer algo, mas por outro, é um vídeo mostrando porque você realmente não deveria fazer isso. Embora seja seu PC, ou será uma vez que você tenha recebido o seu Steam Deck, e você tem todo o direito de abri-lo e fazer o que você quiser, nós da Valve não recomendamos que você faça isso. O Steam Deck é um sistema bem projetado, e, as peças são cuidadosamente escolhidas para este produto com a sua construção específica, de forma que as mesmas não foram desenhadas para serem substituídas pelos usuários.”

O trecho acima foi dito pelo representante da Valve em um vídeo (em inglês) divulgado no canal do YouTube da empresa em um tutorial ensinando a substituir os analógicos e o SSD do dispositivo.

Quando estará disponível no Brasil?

Eu ainda não sei se algum dia irei comprar um Steam Deck, mas dado o preço do produto, desmontá-lo é certamente uma coisa que eu não faria.

O Steam Deck será lançado em dezembro deste ano (2021), porém, ainda não foi divulgado quando estará disponível no Brasil.

Isso é tudo pessoal! 😉


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste