Foi-se o tempo quando possuir um login e senha que só você sabe era o bastante para manter as suas contas protegidas internet afora. Hoje em dia, para ter um pouco de tranquilidade, as pessoas devem utilizar senhas muito fortes e diversos outros métodos através de todos os seus dispositivos.

Recursos como a autenticação em dois fatores, gerenciadores de senhas e até mesmo anotar informações sigilosas em papel tornaram-se indispensáveis desde grandes bancos e corporações até o usuário doméstico que só utiliza o computador para ver vídeos no YouTube.

Como você confirma a sua identidade online?

Mesmo com todas essas tecnologias trabalhando em favor da segurança dos usuários, muitas acabam caindo em “ciladas”, que podem se tornar problemas sérios, como: concentrar todos os métodos de confirmação de identidade no seu smartphone.

Um exemplo disso é o Dionatan, criador do projeto Diolinux, que conforme você pode ver no vídeo abaixo, passou por “poucas e boas” para reaver o acesso às suas contas de usuário após o seu smartphone ter quebrado.

Por essas e outras razões, preparamos um post dando 5 dicas para utilizar a internet com mais segurança, e, hoje, estamos trazendo recomendações muito importantes para complementar as informações passadas naquele artigo.

Utilizando senhas aleatórias

Mesmo que você já utilize gerenciadores de senhas, autenticação em dois fatores e senhas diferentes para cada serviço, ainda não está o mais protegido possível. Um recurso importante para elevar ao máximo a segurança do acesso das suas contas são as chamadas “senhas aleatórias”.

Uma “senha aleatória” pode consistir em letras maiúsculas, minúsculas, números e caracteres especiais em uma sequência aleatória. Dessa forma, se torna quase impossível para um “hacker” descobrir qual é a sua senha, por qualquer método que seja.

Confira, a seguir, um exemplo de uma senha aleatória:

luF*#rN2tRX#

O problema em utilizar este tipo de senha é que pode ser extremamente difícil criar uma senha aleatória diferente para cada serviço que você utiliza, e, mais difícil ainda, memorizar todas elas.

Os melhores geradores de senhas fortes

Os gerenciadores de senhas podem dar conta do trabalho de memorizar todas as suas senhas. Além disso, também existem alguns serviços focados, justamente, em criar as senhas mais aleatórias possíveis para você,  são os chamados “geradores de senhas fortes”.

Alguns desses serviços estão incorporados nos próprios gerenciadores de senhas, enquanto outros são fornecidos sozinhos por diversos sites, ou, até mesmo, podem ser instalados e utilizados via terminal.

Confira algumas dicas de alguns dos melhores geradores de senhas fortes da atualidade:

A lista a seguir está organizada em uma ordem aleatória e não do “melhor” para o “pior”, ou algo do tipo.

LastPass

O LastPass é um dos gerenciadores de senhas mais populares da atualidade e também possui o seu próprio gerador de senhas fortes.

gerador de senhas fortes

Conforme pode ser visto na imagem acima, utilizá-lo é extremamente simples! Tudo o que você precisa fazer é selecionar o número de caracteres que você quer que a sua senha possua, escolher se deseja letras maiúsculas, minúsculas, números, símbolos e pronto.

O LastPass possui clientes para Windows, Linux, MacOS, Android, iOS e ainda pode ser instalado como uma extensão nos navegadores Google Chrome, Firefox e Opera.

1Password

Assim como o LastPass, o 1Password também é um serviço de gerenciamento de senhas que possui o seu próprio gerador de senhas fortes.

21

Gerar uma senha forte com o 1Password é extremamente fácil! Basta que você selecione um tamanho para a sua senha, indique se deseja ou não a inserção de números e símbolos, e pronto.

Com o 1Password você ainda pode escolher se deseja uma senha aleatória, fácil de memorizar ou um PIN.

O gerenciador de senhas do projeto está disponível para Windows, MacOS, Linux, Android, iOS e os navegadores: Google Chrome, Firefox e Microsoft Edge.

BitWarden

Mais um gerenciador de senhas que possui o seu próprio gerador de senhas fortes é o BitWarden, o “queridinho” de muitos usuários.

22

Apesar do visual do site ser um pouco diferente, utilizar o gerador de senhas fortes do BitWarden é tão fácil quanto as alternativas anteriores. Selecione se deseja números, símbolos, letras maiúsculas, minúsculas e pronto. A sua senha aleatória está gerada.

Além disso, assim como o 1Password e o LastPass, o BitWarden também possui o seu próprio serviço de gerenciamento de senhas que está disponível para Windows, Linux, MacOS, Android e iOS, além de um vasto número de navegadores: Google Chrome, Safari, Firefox, Vivaldi, Opera, Brave, Microsoft Edge e Tor.

Gerador de senhas fortes da HostGator

O gerador de senhas fortes da HostGator é indicado para quem procura por uma solução mais simples, já que, ao contrário dos serviços acima, não está integrado a um sistema de gerenciamento de senhas.

23

A interface para a geração de senhas fortes da HostGator também é a mais simples de todas. Você pode selecionar o número de caracteres, se deseja ou não símbolos, e pronto.

Como gerar senhas fortes via terminal no Linux

Primeiro você precisará instalar um software chamado “pwgen”. Para isso, rode o comando abaixo conforme a sua distro Linux.

Ubuntu e derivados:

sudo apt install pwgen

Fedora e derivados:

sudo dnf install pwgen

Arch Linux e derivados:

sudo pacman -S pwgen

Feito isso, conforme pode ser visto na imagem abaixo, rode o comando a seguir substituindo “8” pelo número de caracteres que você deseja.

pwgen -s -1 -y 8
pwgen terminal linux

Você também pode dizer ao “pwgen” para não utilizar caracteres especiais. Para isso, basta deletar o “-y”, conforme pode ser visto no segundo comando da imagem acima.

Quais softwares e serviços você recomenda para gerar senhas fortes, bem como outros métodos de segurança online? Conte para a gente nos comentários abaixo!

Isso é tudo pessoal! 😉


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste