Após mais de um ano de desenvolvimento, a equipe do elementary OS está alegre em anunciar que a versão 6 de seu sistema operacional, com codinome “Odin” está disponível para download.

Disponibilizado para download hoje, esta versão é a maior atualização da plataforma em 10 anos e traz inúmeros recursos que deixam o sistema mais polido, fácil e acessível para seus usuários.

Quer saber o que o elementary Odin tem a oferecer? Então prepare sua bebida favorita, sente-se confortavelmente e vamos falar sobre a nova versão do sistema.

Você no controle, sempre!

Projetado para ser simples de usar por qualquer usuário, a equipe do elementary OS sempre irá te dar a opção de assumir o controle de seus dispositivos e seus dados, mantendo um compromisso com a sua privacidade.

A versão 6 do sistema dispõe de novas ferramentas para que você ter o controle da sua experiência e de como expressar o seu estilo. 

Dark mode e suas cores favoritas

O dark mode chegou para ficar e a equipe do elementary OS já sabe disso. Para a nova versão do sistema, ativar o dark mode é simples e prático (ao invés da “gambiarra” que usávamos para a versão 5).

Agora, na própria tela de boas-vindas, podemos selecionar o modo do sistema (claro ou escuro) e a cor de destaque (accent color) que será utilizada nos menus e em alguns elementos da interface.

image 6

Essa função, curiosamente, foi lançada no Linux Mint primeiro, já está disponível na versão 6 do sistema. E caso você queira trocar as cores após algum tempo de uso, basta ir em Configurações → Área de Trabalho → Aparência.

image 7

Ao todo são 10 cores de destaque fixas que você pode escolher para personalizar o sistema. Note que existe uma 11ª opção, que irá definir uma cor de destaque com base no papel de parede do sistema.

elementary OS 6 é a versão mais personalizável até hoje, permitindo que você mude completamente a aparência.

Os recursos citados acima, apenas são possíveis porque o sistema passou por um redesenho e reescrita quase completos em sua folha de estilo do sistema, tendo como resultado final, uma capacidade de personalização completa.

Caso queira saber mais sobre personalização do elementary OS, temos um artigo completo com detalhes dos novos recursos.

Sandbox é o futuro dos softwares

A tecnologia de contêineres chegou para mudar o mundo da tecnologia. Através deles, é possível utilizar inúmeros programas em diferentes versões sem o risco de quebrar o sistema operacional.

Várias distribuições já traziam integração com esse formato de empacotamento, mas poucas traziam aplicativos do seu “core” em formato sandbox. Para a versão 6, a equipe do elementary optou por trazer algumas aplicações padrão em Flatpak.

Essa decisão irá trazer mais comodidade e estabilidade para os usuários do sistema que poderão usar as versões mais recentes de seus aplicativos favoritos, sem correr o risco de quebrar o sistema com algum tipo de dependência.

Além disso, teremos uma melhor experiência de uso de aplicações GNOME, como o navegador Epiphany, o gestor de emails Geary e o aplicativo de captura de tela, que em versões LTS ficam travados na versão 3.36.

image 8

Gerenciando flatpaks

Para que os usuários possam gerenciar as permissões dos aplicativos em flatpak, a equipe do elementary OS criou uma interface  semelhante ao aplicativo Flatseal.

Em Configurações → Aplicativos, serão listados todos os aplicativos flatpak e ao clicar sobre eles, você pode definir o que o aplicativo poderá acessar, desde sua pasta “home” até suporte a aceleração por GPU.

image 9

Para você conhecer todos os benefícios de aplicativos em formato Sandbox, temos um  artigo no blog que irá te ajudar a compreender um pouco mais sobre esse tipo de empacotamento.

Novos recursos

Todo lançamento de um sistema operacional gera muitas expectativas, e, é claro que a equipe do elementary OS vai lançar alguns recursos novos! Não é mesmo?

Gestos do touchpad

Os notebooks estão mais em alta do que nunca, principalmente, após esse período de trabalho remoto. Estes dispositivos trazem todo o poder que alguns usuários precisam em um tamanho e peso ideais para levar o trabalho para qualquer lugar.

Para os usuários que preferem os notebooks, a nova versão do sistema traz um “agradinho” que poderá te deixar ainda mais produtivo que nunca, estou falando dos gestos do touchpad.

Famosos no Mac OS e depois chegando em vários sistemas operacionais, os gestos deixam seu workflow muito mais otimizado e rápido, permitindo a você realizar ações como dar zoom ou ver as áreas de trabalho virtuais em poucos segundos.

multitasking

Não é apenas a área de trabalho do elementary OS que oferece o suporte aos gestos, a equipe trabalhou bastante para você poder utilizá-los em vários aplicativos.

Quase todo o sistema traz esse suporte, sendo possível dispensar notificações, navegar na Web, passar entre as capturas de tela da AppCenter e até mesmo deslizar o dedo na tela de bloqueio.

Vale dizer que você pode personalizar esses gestos em Configurações do sistema → Mouse e Touchpad → Gestos .

Melhorias nas notificações

O elementary OS sempre forneceu notificações para seus usuários, porém, na versão 6 elas estão mais poderosas do que nunca, após reescrever esse componente do sistema para o GTK (mesmo kit de ferramentas utilizado em algumas aplicações).

Essa mudança permite que os aplicativos enviem notificações ainda mais ricas para o usuário, garantindo que você saiba de qual aplicativo determinada notificação está vindo e o porquê ela chegou.

image 10

Além de informações, agora os aplicativos podem enviar ações para o usuário, permitindo realizar algumas ações simples diretamente na notificação, sem sair do aplicativo que você está utilizando.

Por utilizarem GTK, as notificações agora seguem o estilo do sistema e exibem os emojis coloridos, deixando o sistema ainda mais polido e oferecem suporte aos gestos do touchpad.

Outra mudança notável é que agora as notificações urgentes possuem um novo visual e um som diferente, para torná-las mais fácil de identificar.

image 11

Atualizações de firmware

A versão 6 do sistema conta com atualizações de firmware integradas, fornecidas pelo Linux Vendor Firmware Service. Essa mudança irá garantir para os usuários ainda mais segurança e estabilidade.

Dentre os dispositivos suportados, temos fabricantes de hardware como:

  • Star Labs;
  • Dell;
  • Lenovo;
  • HP;
  • Intel;
  • Logitech;
  • Wacom;
  • 8bitdo.

Para acessar estas atualizações, basta ir em Configurações do sistema → Sistema → Firmware.

image 12

Tarefas, um novo aplicativo

Como já é de costume, várias distros trazem um aplicativo novo a cada lançamento, a equipe do elementary desenvolveu um novo aplicativo que certamente irá te deixar mais produtivo, estou falando do “Tarefas”.

Este aplicativo promete te ajudar a se manter organizado, trazendo um visual refinado e suporte a sincronização com o aplicativo Google Tasks, através do formato CalDav.

image 13

Vale dizer que o aplicativo é integrado a interface, respeitando o tema e a cor de destaque, além de enviar notificações para te manter no prazo.

Atualizações no elementary

Além de entregar vários recursos que certamente irão te agradar, um lançamento não é nada sem as atualizações de aplicativos e recursos existentes. Vamos conferir algumas delas.

Simplesmente Web

O aplicativo de navegação na Internet Epiphany, agora foi renomeado para Web pela equipe do elementary OS e é distribuído em flatpak para estar sempre em sua última versão, oferecendo suporte às tecnologias mais recentes da internet.

Além disso, ele possui proteção de rastreamento inteligente e bloqueio de anúncios habilitado por padrão, para manter sua privacidade protegida. Também conta com um modo de leitura para você poder ler páginas com muito conteúdo sem distrações.

image 14

Email, melhor do que antes

Outro aplicativo que passou por uma reescrita completa é o Mail, que traz agora  uma integração ainda mais rígida com as contas online através do Evolution Data Server.

As contas online suportam o padrão IMAP para  adicionar contas de e-mail, mas futuramente podem ser adicionados novos tipos de conta. Além disso, ele também utiliza o formato sandbox, melhorando a proteção e a segurança do usuário.

Vale dizer que agora ele está utilizando widgets nativos em lugares como a lista de mensagens,visualização de conversas e também está melhorando o suporte para vários idiomas.

image 15

Uma appcenter focada em flatpaks

Como o sistema está se tornando all-in flatpaks, o AppCenter foi atualizado para atender a essa demanda de forma satisfatória. Uma novidade é que agora todos os aplicativos de terceiros serão distribuídos como flatpaks.

O design dos cabeçalhos de aplicativos foram melhorados, incluindo o contraste dos botões e as notificações agora fornecem um contexto mais rico, tanto para aplicativos instalados, quanto atualizações de sistema.

Explorando seus arquivos

O explorador de arquivos do elementary OS ganhou uma mudança de comportamento muito esperada por vários usuários. Se você já utilizou o sistema, deve se lembrar de que ele utilizava o clique único para navegação, e isso era um problema.

Inúmeras vezes eu clicava sem querer em um arquivo que demorava anos para abrir e após o feedback de vários usuários, a navegação ganhou uma melhoria considerável.

Agora, ao navegar entre pastas o software irá seguir o padrão de clique único, mas ao clicar em um arquivo, ele irá precisar de um clique duplo para ser aberto por seu aplicativo padrão, evitando que os usuários abram acidentalmente um arquivo.

image 16

Além disso, ele traz uma nova barra lateral que torna o comportamento de arrastar e soltar ainda mais elegante. A exibição em lista também foi melhorada e agora possui um tamanho mínimo menor. Outras melhorias foram:

  • Adição de emblemas de arquivo, para comunicar status ou permissões em projetos Git;
  • Adição das cores Mint e Bubblegum para tags de arquivos; 
  • Suporte para dispositivos com protocolos: AFP, AFC e MTP.

Desenvolvendo de forma elegante

Outro aplicativo que ganhou algumas melhorias foi o editor de códigos “Code”. Agora você irá notar um novo “botão de projeto”, que mostra o projeto Git que está ativo no momento e permite aos usuários alternar rapidamente entre os projetos abertos.

image 17

A equipe continua trabalhando e aprimorando a integração do aplicativo ao Git, permitindo aos usuários alternar e criar branches, além de adicionar um novo status do Git.

O suporte a markdown também foi aprimorado, trazendo novos atalhos de editor do tipo WYSIWYG e suporte a verificação ortográfica.

Um painel melhorado

O painel do elementary OS também recebeu melhorias, ficando mais simples e intuitivo para os usuários, após conversar com alguns deles, a equipe descobriu que a maioria não sabia existir um atalho com o botão do clique do mouse nos indicadores (eu também não sabia).

Agora ao deixar o mouse em cima de um indicador, após alguns segundos será mostrada a ação do clique com o botão do meio. Alm disso, também temos algumas informações ao deixar o mouse sobre o indicador, como:

  • O indicador Night Light mostra o status e clique com o botão do meio para adiar;
  • O indicador de som mostra o volume preciso e clique com o botão do meio para silenciar;
  • O indicador de rede mostra o nome da rede sem fio atual;
  • O indicador de bluetooth mostra o estado ligado / desligado e clique com o botão do meio para alterar o estado;
  • O indicador de energia expõe a porcentagem precisa da bateria e o tempo até ela ser carregada ou esgotada;
  • O indicador Notificações mostra exatamente quantas notificações existem, bem como o clique do meio para o Não perturbe; 
  • O indicador de sessão detalha o nome do usuário atual e o botão do meio para solicitar o encerramento da sessão.

O indicador de som agora exibe todas as saídas de som disponíveis para que o usuário possa alternar entre elas de forma fácil, sem ser necessário abrir as configurações do sistema.

image 18

O indicador de energia também recebeu algumas melhorias e um novo recurso que permite ao usuário selecionar um dispositivo e ver mais informações como as estatísticas de energia e a capacidade total da bateria.

image 19

Novos recursos do desktop

Também foram adicionados alguns recursos que irão te deixar mais produtivo ao usar o Pantheon Desktop, dentre eles:

  • Os títulos de janela são apresentados na Visualização multitarefa;
  • O menu de contexto foi melhorado, trazendo um novo layout e o recurso de captura de tela;
  • A área de trabalho agora possui um menu de contexto, permitindo ao usuário acessar algumas funções do sistema.

Mais fácil do que nunca

A equipe do elementary OS está sempre tentando tornar sua plataforma mais útil e desejável por novos usuários, e a nova versão do sistema dá grandes passos para isso ocorrer ainda mais rápido.

A equipe realizou uma grande mudança em seu instalador, deixando-o mais simples e objetivo que o Ubiquity que temos no Ubuntu (ao menos por enquanto). O novo instalador foi desenvolvido em parceria com a System76 e já vem sendo usado no Pop!_OS há algumas versões.

Uma consideração interessante sobre o novo instalador, é que ele realiza instalações OEM, tendo como único objetivo colocar o sistema operacional no computador, e após o primeiro boot são realizadas as configurações como idioma, conectividade e criação de usuário.

image 20

Para todos os computadores

Além disso, como agora o elementary OS é enviado pré-instalado em vários dispositivos, como, por exemplo, os laptops da Star Labs, o sistema apresenta uma inicialização simplificada, exibindo o logo da fabricante.

Segundo a equipe, o startup não possui a logo do sistema, pois deixa esse processo mais uniforme e eles não precisam anunciar constantemente o sistema operacional que você está utilizando.

image 21

Muito mais desempenho

Outra mudança notável é o aprimoramento de desempenho do sistema para o Pantheon desktop e os aplicativos disponíveis no sistema, que em parte ocorreu durante as compilações experimentais para Raspberry Pi e o Pinebook Pro.

Para a versão 6, a equipe melhorou a comunicação do processo entre os componentes de desktop e reduziu bastante as leituras e gravações em disco, que fica bastante evidente em processadores fracos e meios de armazenamento mais lentos (como HDs e cartões SD), beneficiando todos os dispositivos em que ele seja executado.

Acessível para todos os usuários

Outro elemento chave para a abordagem do elementary OS é que o sistema seja o mais inclusivo possível, para poder ser utilizado por qualquer pessoa, incluindo aqueles que possuem restrições de acessibilidade temporárias, crônicas ou permanentes.

Dentre as várias opções de acessibilidade temos:

  • Leitor de tela;
  • Teclado na tela;
  • Clique de permanência;
  • Teclas lentas;
  • Dwell click;
  • Zoom na interface;
image 22

Download do elementary OS

Se você está interessado na nova versão do sistema, saiba que ela já está disponível para download através do site oficial do elementary OS.

Pretende testar a versão 6 do sistema? O que você mais curtiu neste lançamento? Deixe sua opinião para nós nos comentários e até o próximo artigo!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
10 aninhos de elementary OS!
Continue lendo

10 aninhos de elementary OS!

O Elementary OS recentemente completou 10 anos. Venha conhecer um pouco da trajetória do projeto.