Os novos padrões de design do GNOME 40

gnome-40

Recentemente falamos aqui no blog sobre o lançamento do GTK 4, e se você é um pouco “ligado” no mundo do software livre e open source já deve ter ao menos uma ideia sobre o quão conectado o GTK (GNOME Toolkit) está com o projeto GNOME. Até mesmo no nome.

Todas as novidades trazidas pelo GTK 4, são de suma importância para o desenvolvimento dos novos padrões de design que estão sendo implementados no tão esperado GNOME 40.

Agora nós vamos conferir algumas previews que a equipe de desenvolvimento do projeto disponibilizou para todos os usuários e fãs desse projeto que é, aos olhos de muitos, a “cara” do Linux no desktop.

Os “guidelines” para o novo design

A imagem abaixo mostra como é atualmente o visual padrão do GNOME Shell. Guarde-a na sua memória, pois ela será bastante útil para que você possa melhor comparar todas as modificações que estão sendo feitas no aspecto visual da interface e são muitas!

g
GNOME Shell 3.38.

A seção “atividades”, que pode ser vista na imagem acima, é provavelmente a característica mais marcante do GNOME Shell. Não se preocupe, baseando-se nas informações que temos até o momento as principais características que fazem o GNOME ser o que ele é serão mantidas, e ainda melhor, serão aprimoradas.

Dentre os objetivos dos desenvolvedores do projeto, foram destacados quatro pontos que têm sido as principais “guidelines” para a realização do GNOME 40. São eles:

  • Melhor overview e organização espacial;
  • Navegação por touchpad melhorada;
  • Um sistema mais envolvente de busca e inicialização de aplicativos;
  • Inicialização aprimorada e melhores “empty states”.
e
Exemplo de um software em “empty state”, ou tela “vazia”.

Agora que a equipe do por trás do projeto já chegou a um ideal para o novo design e está trabalhando no mesmo, podemos dizer que o novo padrão consegue entregar os objetivos citados acima e inovar, ao mesmo tempo que mantém a experiência de uso do GNOME Shell que os usuários tanto gostam.

O novo padrão visual do GNOME Shell

O icônico overview “Atividades”

Para começar a demonstrar visualmente as mudanças que devem chegar no novo GNOME 40, nada melhor do que falarmos sobre o overview “Atividades”.

overview
Como deve ser o overview Atividades do GNOME 40.

Conforme pode ser visto na imagem acima, as múltiplas áreas de trabalho agora não são mais organizadas em uma barra vertical na lateral direita, mas sim horizontalmente em grandes retângulos que são exibidos no meio da tela.

A dock também foi movida da lateral esquerda para a parte inferior da tela, ao mesmo tempo que foi “descolada” da borda do monitor. Essas características somadas aos quatro cantos arredondados, ao meu ver, o novo visual está com um aspecto muito mais bonito e moderno comparado ao “antigo”.

As janelas abertas exibidas no overview agora também contam com a exibição do ícone de cada programa na parte inferior do “retângulo” das mesmas. Funcionalidade que atualmente é obtida através de uma extensão e é muito útil para facilitar a identificação dos programas abertos, melhorando o workflow.

O quê vai mudar na grade de apps?

Várias modificações já foram aplicadas à grade de apps até a versão 3.38 do GNOME Shell, como a possibilidade de reorganizar os ícones à vontade, criar pastas, nomeá-las e organizá-las. Todas essas melhorias continuarão presentes na versão 40. Mesmo assim, algumas mudanças extras que ainda não foram disponibilizadas estarão presentes neste lançamento.

gnome-40-app-grid
Como deve ser a grade de apps do GNOME 40.

Tendo como objetivo melhorar a organização espacial, a rolagem do app grid foi alterada de vertical para horizontal. As múltiplas áreas de trabalho também serão exibidas logo abaixo do campo de buscas.

De brilhar os olhos!

No vídeo abaixo você confere um pequeno teaser mostrando como será a experiência de uso do GNOME 40 com os seus novos padrões de design.

Eu gostei muito das novidades e certamente estou muito ansioso para poder testar o novo GNOME, que tem o seu lançamento previsto para Março de 2021. Os novos padrões de design parecem muito bonitos e modernos aos meus olhos. E eu, que já acho o GNOME 3.38 bonito, gostei ainda mais da versão 40.

Você também pode conferir o artigo original (em inglês) publicado pela própria equipe de desenvolvedores do projeto.

Você gostou dos novos padrões visuais que estão sendo preparados para o GNOME Shell? O quê você mudaria, e, o que deixaria como está? Conte para a gente nos comentários abaixo!

Isso é tudo pessoal! 😉

Talvez Você Também Goste
A batalha final entre Oracle e Google por direitos de propriedade intelectual
Continue lendo

A batalha final entre Oracle e Google por copyright

Uma disputa judicial que vem ocorrendo entre a Oracle e o Google desde 2010, parece estar chegando ao fim. Agora a Suprema Corte dos Estados Unidos finalmente decidiu dar um veredito, após nove anos de disputas e vereditos favoráveis para ambos os lados.