O GNOME 41 foi lançado há pouco menos de um mês, apresentando diversas novidades para seus usuários como, por exemplo, um novo visual para a loja e um aplicativo de conexão remota.

A equipe da interface continua trabalhando firme e forte em seu desenvolvimento, tanto que já anunciou um dos novos recursos que irão acompanhar a versão 42 da interface, o suporte a temas escuros.

A mudança de tema ideal

Atualmente, grande parte das interfaces Linux não possui uma forma padronizada de oferecer o modo escuro para seus usuários e embora mudar o tema possa parecer uma solução viável, essa não é a melhor maneira de abordar a mudança segundo a equipe do GNOME.

Segundo a equipe, os temas GTK não são um recurso suportado na interface, nem todos os usuários de Linux utilizam GNOME e os aplicativos disponíveis para o sistema, nem sempre são desenvolvidos em GTK.

O ideal seria que ao mudar de tema, todos os aplicativos e sites utilizados pelo usuário, pudessem detectar a mudança para poder exibir sua interface conforme o  tema do sistema operacional.

FreeDesktop, uma forma de padronizar o Linux

A equipe do GNOME irá implementar a configuração de tema utilizando o esquema de cores do FreeDesktop, da mesma forma que o Pantheon Desktop do elementary OS 6.

O esquema de cores do FreeDesktop pode ser utilizado por qualquer interface e permitirá que todos os sistemas operacionais baseados em Linux possam ter uma forma padronizada de gerenciar os temas.

Vale dizer que qualquer aplicativo instalado no computador poderá utilizar o tema padrão do sistema, sem ser necessário forçar o tema GTK que quebram muitas vezes o visual da aplicação.

Em breve no GNOME 42

Esse recurso provavelmente chegará a interface através de um painel de aparência remodelado nas configurações do sistema.

image 21

A equipe também possui a ideia de incluir uma forma de alternar entre os modos claro e escuro de forma automática, como, por exemplo, o suporte a programação de dia e noite e quem sabe, trocar o papel de parede em sincronia com o tema (como ocorre no MacOS).

Alexander Mikhaylenko, desenvolvedor do GNOME disse que a equipe planeja incluir a funcionalidade de troca de tema padrão na versão 42 da interface com lançamento previsto para março de 2022.

Você utiliza o GNOME? O que acha deste novo recurso? Deixe sua opinião nos comentários e até o próximo artigo!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste