O GNOME Shell é o shell gráfico do ambiente de desktop GNOME, bastante popular no mundo Linux. Você já pensou em utilizar o GNOME Shell no seu smartphone?

Essa realidade pode estar muito mais próxima do que você imagina.

O GNOME Shell no smartphone

Como parte do processo de design para o que acabou se tornando o GNOME 40, a equipe do projeto GNOME trabalhou em diversos conceitos experimentais, alguns dos quais voltados para um melhor suporte para tablets e dispositivos com telas menores.

convergence concept 2020 768x305 1

Segundo Jonas Dressler, não falta muito para o GNOME Shell funcionar em telefones, mesmo que não perfeitamente.

Dressler completa afirmando que algumas das peças mais difíceis necessárias para um shell móvel já estão atualmente em vigor no GNOME Shell para desktop, são elas:

  • Grade de aplicativos totalmente personalizável com paginação, pastas e reordenação de arrastar e soltar;
  • Gestos de espaço de trabalho horizontais “stick-to-finger”, bem próximos do que gostaríamos no celular para alternar entre aplicativos;
  • Deslize o gesto para cima para navegar até a visão geral e a grade de aplicativos, que também é muito próxima do que gostaríamos no celular;
  • Além disso, muitas das coisas que estamos trabalhando atualmente para desktop também são relevantes para dispositivos móveis, incluindo configurações rápidas, o redesenho de notificações e um teclado na tela aprimorado.

Outros recursos que já estão sendo utilizados no GNOME Shell para o desktop são relevantes para dispositivos móveis, incluindo configurações rápidas, o redesenho de notificações e um teclado na tela aprimorado.

Em parceria com o Ministério da Educação da Alemanha

O projeto está sendo possível graças ao Prototype Fund, trata-se de um programa de doação de software de interesse público do Ministério da Educação da Alemanha (BMBF).

“Given all of this synergy, we felt this is a great moment to actually give mobile GNOME Shell a try. Thanks to the Prototype Fund, a grant program supporting public interest software by the German Ministry of Education (BMBF), we’ve been working on mobile support for GNOME Shell for the past few months.”

Jonas Dressler

Em uma tradução livre:

“Dada toda essa sinergia, sentimos que este é um ótimo momento para realmente experimentar o GNOME Shell móvel. Graças ao Prototype Fund, um programa de doação de software de interesse público do Ministério da Educação da Alemanha (BMBF), estamos trabalhando no suporte móvel para o GNOME Shell nos últimos meses.”

Jonas Dressler

Progresso atual do GNOME Mobile

Dressler escreve que um dos principais recursos em que pretendem trabalhar com este projeto são os gestos de navegação bidimensionais.

“One of the main things we want to unlock with this project is the fully semantic two-dimensional navigation gestures we’ve been working towards since GNOME 40. This required reworking gesture recognition at a fairly basic level, which is why most of the work so far has been focused around unlocking this. We introduced a new gesture tracker and had to rewrite a fair amount of the input handling fundamentals in Clutter.”

Jonas Dressler

Em uma tradução livre:

“Uma das principais coisas que queremos desbloquear com este projeto são os gestos de navegação bidimensionais totalmente semânticos nos quais trabalhamos desde o GNOME 40. Isso exigiu retrabalhar o reconhecimento de gestos em um nível bastante básico, e é por isso que a maioria do trabalho foi focado em desbloquear isso. Introduzimos um novo rastreador de gestos e tivemos que reescrever uma boa parte dos fundamentos de manipulação de entrada no Clutter.”

Jonas Dressler

Alguns outros recursos que já funcionam ou estão em andamento são:

  • Detectar que estamos executando em um telefone e desabilitar/ajustar elementos da interface do usuário com base nisso;
  • Um layout de grade de aplicativo mais compacto que pode caber em uma tela de retrato móvel;
  • Uma barra inferior que pode atuar como alça para navegação por gestos.

O futuro do projeto

Ainda existe muito trabalho pela frente, mas, segundo Jonas Dressler, daqui para frente o progresso tende a ser mais rápido e mais visível porque será um trabalho na interface do usuário real, em vez de nas APIs internas. Agora que alguns dos princípios básicos estão em vigor, a equipe está animada para fazer mais testes e desenvolvimento no hardware real do telefone, o que é especialmente importante para ajustar coisas como o teclado na tela.

IMG 4877 768x512 1

Para saber mais sobre o projeto, você pode acessar a postagem feita pelo Jonas Dressler no blog do projeto GNOME.

E você aí, o que achou da novidade?

Um abraço, galera.
Até a próxima.


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
licenças para softwares
Continue lendo

Diferentes tipos de licenças para softwares

Conheça alguns dos diferentes tipos de licenças para softwares para evitar “dor de cabeça” no momento de adquirir um software para uso pessoal ou para a sua empresa.