O VirtualBox é uma excelente ferramenta para estudos ou até mesmo testes, é comum profissionais de TI e entusiastas utilizarem softwares de virtualização para simular um comportamento, aprender algo novo ou simplesmente conferir um sistema operacional.

Hoje você aprenderá a instalar a ferramenta de virtualização de sistemas VirtualBox da Oracle em sua versão mais recente, confira o passo a passo e aprenda a usar o recurso para o seu trabalho ou estudo.

Baixando e instalando o VirtualBox

Existem duas maneiras de instalar o VirtualBox no seu sistema operacional baseado em Linux, adicionando o repositório oficial manualmente ou efetuando o download do arquivo “.deb” ou ”.rpm”. Começaremos com a instalação manual.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Debian, Ubuntu e distribuições derivadas

Instalar a mais recente versão do virtualizador no Debian, Ubuntu e distribuições derivadas é bastante simples, basta seguir o passo a passo:

Instalando o VirtualBox 6.1 no Debian via repositório

Para instalar o VirtualBox 6.1 no Debian utilizando o repositório mantido pelo próprio projeto, basta seguir o passo a passo:

Adicione o repositório do VirtualBox a “sources.list” com os comandos:

Verifique a versão do seu sistema operacional com o comando:

lsb_release -a
image5

Abra a “sources.list” com o seu editor de texto favorito:

cd nano /etc/apt/sources.list

Adicione o repositório do VirtualBox ao “sources.list” conforme a versão do seu Debian. O nosso tutorial está sendo feito no Debian “bullseye”. Sendo assim, o comando a ser executado será:

deb [arch=amd64] https://download.virtualbox.org/virtualbox/debian bullseye contrib

Substituindo o “bullseye” pela versão do seu sistema.

image9

Adicione as chaves do novo repositório. Para isso, digite os comandos:

wget -q https://www.virtualbox.org/download/oracle_vbox_2016.asc -O- | sudo apt-key add -
wget -q https://www.virtualbox.org/download/oracle_vbox.asc -O- | sudo apt-key add -

Sincronize os repositórios com o comando:

sudo apt update

Instale o VirtualBox com o comando:

sudo apt install virtualbox-6.1

Tudo certo! O VirtualBox 6.1 já está devidamente instalado no seu Debian.

image12

Instalando o VirtualBox 6.1 no Debian via pacote .deb

Instale a versão 6.1 do VirtualBox no seu Debian através de um pacote .deb seguindo o passo a passo:

Instale o gerenciador de pacotes “GDebi” com o comando:

sudo apt install gdebi

Acesse o site oficial do VirtualBox e no menu lateral esquerdo clique em “Downloads”:

image18

Na página de Downloads clique em “Linux distribuitions”:

image21

Em seguida, selecione a versão do seu Debian e baixe o arquivo .deb:

image7 1

Vá até o local em que o arquivo .deb foi baixado, clique com o botão direito no arquivo, em seguida clique em “Abrir com outro aplicativo”, selecione “Instalador de pacotes GDebi” e clique em “Selecionar”:

image15

Com o GDebi aberto, basta clicar em “Instalar Pacote” e insira a sua senha de usuário:

image11

Prontinho! Aguarde o término da instalação e o VirtualBox 6.1 estará instalado no seu Debian através do pacote .deb.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Ubuntu e derivados

Para instalar o virtualizador no Ubuntu e distribuições derivadas é bastante simples, basta acompanhar o passo a passo:

Sincronize os repositórios com o comando:

sudo apt update

Instale o VirtualBox 6.1 com o comando:

sudo apt install virtualbox

Prontinho! A versão 6.1 do VirtualBox estará instalada no seu sistema operacional.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Ubuntu e derivados via pacote .deb

Para instalar a versão 6.1 do VirtualBox no seu Ubuntu e distribuições derivadas através de um pacote .deb, basta seguir o passo a passo:

Acesse o site oficial do VirtualBox e no menu lateral esquerdo clique em “Downloads”:

Na página de Downloads clique em “Linux distribuitions”:

Em seguida, selecione a versão do seu Ubuntu e baixe o arquivo .deb:

image19

Vá até o local em que o pacote .deb foi baixado, dê um duplo clique no pacote e, em seguida, clique em “Instalar”.

Tudo certo! O VirtualBox 6.1 estará instalado no seu sistema.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Fedora

Instale o VirtualBox 6.1 no seu Fedora seguindo o passo a passo:

Atualize o sistema com o comando:

sudo dnf upgrade

Navegue até o diretório “/etc/yum.repos.d” com o comando:

cd /etc/yum.repos.d

Adicione o repositório com o comando:

wget https://download.virtualbox.org/virtualbox/rpm/fedora/virtualbox.repo

 Adicione a chave GPG com o comando:

sudo dnf search virtualbox

Por fim, instale o VirtualBox 6.1 com o comando:

sudo dnf install VirtualBox-6.1

Atenção com as letras maiúsculas.

Tudo certo! A versão 6.1 do virtualizador estará devidamente instalado no seu sistema.

image13

Instalando o VirtualBox 6.1 no Fedora via pacote .rpm

Para instalar o VirtualBox 6.1 no Fedora através de um pacote .rpm, basta seguir o passo a passo:

Acesse o site oficial do VirtualBox e no menu lateral esquerdo clique em “Downloads”:

Na página de Downloads clique em “Linux distributions”:

Em seguida, selecione a versão do seu Fedora e baixe o arquivo .rpm:

image14

Vá até o local em que o pacote .rpm foi baixado, dê um duplo clique no pacote e, em seguida, clique em “Instalar”:

image16

Pronto! O VirtualBox 61. estará instalado no seu Fedora vim pacote .rpm.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Arch Linux e derivados

Siga o passo a passo para instalar o VirtualBox no Arch Linux e derivados:

Atualize o sistema com o comando:

sudo pacman -Syu

Instale o pacote do VirtualBox com o comando:

sudo pacman -S virtualbox

Você também precisará escolher um pacote para fornecer módulos de host:

Caso você utilize o kernel linux padrão do Arch Linux, escolha a opção “virtualbox-host-modules-arch”.

Se você estiver utilizando qualquer outro kernel, incluindo o linux-lts, escolha a opção “virtualbox-host-dkms”.

Para compilar os módulos do VirtualBox fornecidos pelo “virtualbox-host-dkms”, também será necessário instalar os pacotes de cabeçalhos apropriados para os kernels instalados (por exemplo, linux-lts-headers para linux-lts ). Feito isso, quando o VirtualBox ou o kernel são atualizados, os módulos do kernel serão recompilados automaticamente graças ao DKMS pacman.

Entre os módulos do kernel que o VirtualBox usa, há um módulo obrigatório chamado “vboxdrv”, que deve ser carregado antes que qualquer máquina virtual possa ser executada. Para carregar o módulo manualmente, rode o comando:

modprobe vboxdrv

5 – Prontinho! O VirtualBox já está instalado no seu sistema operacional.

Instalando o VirtualBox 6.1 no Manjaro via Pamac

No Manjaro, você pode instalar a versão 6.1 do virtualizador facilmente através de uma interface gráfica utilizando o gerenciador de pacotes gráfico Pamac. Para isso, siga o passo a passo:

Pesquise por “Pamac” no seu Manjaro.

image17

Abra o Pamac, clique no ícone de pesquisa no canto superior esquerdo da janela e pesquise por “virtualbox”:

image6
image10

Em seguida, clique no ícone de download e em “Aplicar” no canto inferior direito da janela:

image20

Após digitar a sua senha de usuário, escolha dependências opcionais. Caso você não necessite de nenhuma dependência opcional, deixe tudo desmarcado e clique em “Escolher”:

image4

Um resumo da transação aparecerá, confira e clique em “Aplicar” para continuar:

image2

Feito! O VirtualBox 6.1 estará devidamente instalado no seu Manjaro.

image1

Adicionando o pacote de extensões do VirtualBox

O VirtualBox possui um pacote de extensões que adiciona suporte para dispositivos USB 2.0 e USB 3.0, VirtualBox RDP, criptografia de disco, inicialização NVMe e PXE para placas Intel.

Vale ressaltar que as extensões somente funcionam em versões específicas do Virtualbox, sendo assim, fique atento para baixar a versão correspondente correta.

Para instalar o pacote de extensões do VirtualBox, basta acompanhar o passo a passo:

Acesse o site oficial do VirtualBox e no menu lateral esquerdo clique em “Downloads”:

Na página de downloads procure por “VirtualBox 6.1 Oracle VM VirtualBox Extension Pack” e clique em “All supported platforms” para iniciar o download:

image3

Abra o VirtualBox como root, clique em “File”, “Preferences”, “Extensions”, clique no ícone de “+” no canto direito, selecione o pacote de extensões, aceite os termos e, por fim, clique em “OK”:

image22

Prontinho! O pacote de extensões do VirtualBox estará instalado.

E você aí, utiliza o VirtualBox para testar sistemas operacionais?

Um abraço, pessoal.
Até a próxima.


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
licenças para softwares
Continue lendo

Diferentes tipos de licenças para softwares

Conheça alguns dos diferentes tipos de licenças para softwares para evitar “dor de cabeça” no momento de adquirir um software para uso pessoal ou para a sua empresa.