O que o CEO da System76 tem a dizer sobre o futuro do Pop!_OS

Carl Richell - CEO System76

No final do ano de 2020, entramos em contato com a System76 para entendermos melhor os planos da empresa para o Pop!_OS e os computadores fabricados pela mesma em 2021.

Naquela época ainda não tínhamos conhecimento do que viria a se tornar o GNOME 40, por este motivo, não fizemos perguntas sobre a nova versão da interface e a sua futura adoção no Pop!_OS.

Depois de alguns meses de comunicação breve e espera, recebemos as palavras da Carl Richell, CEO da System76, a respeito das nossas questões.

System76 e Pop!_OS estão mirando por voos mais altos

system76 unveils refreshed gazelle linux laptop with nvidia gtx 16 series gpus 526295 5

Diolinux: O Pop!_OS é um projeto maduro atualmente, especialmente se comparado a entrevista anterior que fizemos com vocês. Vocês acreditam que a distro já atingiu as suas expectativas, ou ainda teremos mais recursos a serem adicionados no futuro?

System76: Há muito por vir ainda. Nos próximos 2 anos pretendemos estabelecer completamente a experiência de usuário do Pop!_OS, pensando no longo prazo, e no futuro do sistema.


Diolinux: Qual é o impacto do Pop!_OS nas vendas dos computadores (desktops/laptops) da System76? Vocês acreditam que o sistema ajudou as pessoas a conhecerem o hardware que vocês vendem?

System76: Podemos ver, ainda que seja uma evidência anedótica, que o Pop!_OS nos ajuda a vender hardware, mas definir é extensão do impacto é difícil. 

O Pop!_OS nos provê uma forma de demonstrar a qualidade, polimento e inovação presente nos nossos produtos, sem fazer com que seja necessário por parte dos usuários um investimento financeiro em hardware. Isso certamente conta de alguma forma quando um usuário de Pop!_OS vai ao mercado para comprar um novo computador.


Diolinux: O Pop!_OS é provavelmente uma das distros mais “out of the box” quando se trata de jogos no Linux. Ser uma distribuição Linux para gamers é algo que vocês almejam?

System76: Muitos clientes da System76 adoram jogar em seus computadores, então nós trabalhamos para que a experiência seja a mais simples possível. Graças a Steam, o Proton, Lutris e outros, o ato de jogar evoluiu muito. Nosso trabalho é fazer com que jogar no Pop!_OS seja o mais simples e acessível possível.


Diolinux: O Pop!_OS se tornou uma solução muito interessante para “creators, makers and builders”, como vocês até mencionaram na nossa entrevista anterior. Quais são os próximos passos neste sentido? O que vocês almejam fazer para tornar o Pop!_OS ainda melhor para pessoas que querem realizar os seus trabalhos?

System76: A ferramenta de auto-tiling é a nossa mais recente iniciativa para otimizar o workflow do Pop!_OS para os nossos usuários. É um jeito rápido e intuitivo de navegar entre as janelas e o trabalho que você está realizando.

Na minha opinião (Carl Richell), o auto-tiling é o futuro do gerenciamento de janelas. Há ainda muito trabalho a fazer para otimizar o desempenho e melhorar alguns detalhes, mas ele já é uma melhoria considerável sobre o comportamento natural (de floating) e antigo das janelas.

Nós também estamos desenvolvendo uma nova experiência de usuário para o Pop!_OS que acreditamos que será mais fácil para novos usuários aprenderem (a usar o GNOME) e será, em simultâneo, mais poderosa e customizável para usuários avançados.


Diolinux: Vocês têm alguma intenção de monetizar o Pop!_OS diretamente, além da venda de hardware? Eu acredito que muitas pessoas estariam interessadas em suporte pago, por exemplo, mesmo que não comprassem um computador da System76.

System76: Não temos planos de monetizar o Pop!_OS de forma individual neste momento. Oferecemos uma opção para que os usuários interessados possam apoiar o projeto com uma assinatura mensal de 1 dólar, que pode ser feita diretamente pelo nosso site.


Diolinux: Uma das coisas mais interessantes que aconteceu com o Pop!_OS entre a nossa primeira entrevista e esta, foi a sua adoção pelo formato Flatpak. O sistema recebeu suporte para Flatpaks pouco tempo depois com a adição nativa do repositório Flathub por padrão na Pop!_Shop. 

Sendo o Pop!_OS baseado no Ubuntu, o que fez com que vocês optassem por Flatpaks ao invés de Snaps? (Ainda que o Pop!_OS suporte Snaps).

System76: Nós preferimos o Flatpak e o Flathub porque é um repositório de sofware mais aberto e pode ser forkeado como os repositórios Linux tradicionais. Acreditamos que repositórios abertos são um atributo essencial para o futuro do Linux e da distribuição de software na plataforma.


Diolinux: Uma das coisas que nós vemos mais pessoas reclamarem é o fato do Pop!_OS não usar o GRUB para gerenciamento de boot. Atualmente a distro usa o systemd-boot no lugar dele, e gerenciar cenários de dual boot com esta ferramenta se mostrou pouco prático e intuitivo, por conta disso, algumas pessoas podem ter deixado de usar o Pop!_OS. Vocês têm planos para facilitarem o dual boot no Pop!_OS?

System76: Temos planos para implementar um facilitador de dual boot no instador do Pop!_OS, no entanto, quando isso deve acontecer, ainda não podemos afirmar.

Através da pesquisa de usuários e clientes que fizemos, descobrimos que não pareciam haver altas demandas para este recurso, então, acabamos priorizando outros trabalhos, também importantes, mas que pareciam ter maior apelo por parte dos usuários.


Diolinux: Atualmente eu rodo o Pop!_OS 20.04 LTS em dois setups, uma das máquinas usa uma placa Nvidia, a outro setup é full AMD, e o Pop!_OS funciona bem em ambos. 

Uma das coisas que chamou a minha atenção neste cenário são os componentes muito atualizados que o Pop!_OS usa, mesmo numa versão LTS, como o Kernel Linux, Mesa e driver da Nvidia. Você pode falar um pouco mais sobre esta abordagem?

System76: O Pop!_os tem um estilo de misturar rolling release com major release. Nós queremos sempre trazer novos recursos e melhor suporte a hardware para o sistema que vendemos com nossos computadores.

Isso tipicamente é o que ocorre em uma versão LTS ou um lançamento tradicional; reservamos as grandes mudanças de interface e de UX para os lançamentos (que ocorrem a cada seis meses mais ou menos), dessa forma, os clientes têm maior liberdade ao optar por tais mudanças (usando uma versão ou outra), ao mesmo tempo que, mesmo que não façam um upgrade de versão, podem usufruir de novos recursos, suporte de hardware e bug fixes.


Diolinux: O que 2021 reserva para o Pop!_OS? Quais são as features planejadas?

System76: COSMIC (Computer Operating System Main Interface Components). Mais detalhes ainda estão por vir.


Diolinux: Eu gostaria de comprar um computador de vocês. Há intenções de vender os produtos da System76 no mercado brasileiro?

System76: Nós estamos testando os envios para o Brazil agora. Se for tudo bem, pretendemos habilitar os envios para a comunidade brasileira ainda na primeira metade deste ano. A comunidade Linux brasileira é vibrante e impressionante. Estamos empolgados com a chance de prover os nossos produtos por lá.

Uma espiada no COSMIC

De todas as perguntas, a mais reticente resposta foi a que envolve o projeto COSMIC. Ainda que não esteja completamente claro do que se trata, acreditamos ter conseguido um vislumbre dele.

O Edson C. da Silva, redator e revisor da equipe Diolinux, conseguiu compilar a ISO do Pop!_OS 21.04 a partir do código fonte no GitHub da System76, e como resultado, temos alguns novos elementos na interface do sistema que ainda está por vir. Seria este o COSMIC?

Como é podemos de notar, possivelmente teremos uma dock na parte inferior da tela com alguns elementos diferentes ao longo da interface.

Nas configurações do sistema, a sessão de customização de aparência recebeu dezenas de opções de customização, literalmente. Ao que parece, a empresa está movendo muitas coisas que antes só estavam presentes em painéis de configuração de extensões (como a Dash to Dock) e elementos presentes no GNOME Tweaks, diretamente para o painel de controle do sistema, o GNOME Settings.

Como não se trata nem de um beta ainda, e muitos dos elementos estão com as labels “TODO”, ou seja,  “por fazer” em Inglês, ainda é cedo para especular qualquer coisa.

Fique ligado no Diolinux para saber mais em breve.

Até a próxima!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste