O elementary OS é uma das distribuições mais fáceis e bonitas do mundo Linux, ideal para usuários que vem do Mac OS ou desejam uma experiência diferente do padrão que temos no Windows.

Atualmente baseado no Ubuntu 18.04 e com uma versão baseada no Ubuntu 20.04 em desenvolvimento, utiliza uma interface gráfica desenvolvida pela própria equipe, o Pantheon Desktop, que tem sido uma ótima opção para os usuários de Linux ao redor do mundo.

A distribuição recentemente completou 10 anos desde o lançamento de sua versão 0.1, com codinome “Júpiter” e é claro que uma data como essa não poderia passar batida pelo blog Diolinux (que inclusive também completou 10 anos).

Uma marca memorável

Não é todo dia que um projeto faz 10 anos e durante o lançamento de sua versão 0.1, o sistema trazia o slogan “Vai ser enorme” e 10 anos depois, podemos dizer que o projeto realmente é grande.

jupiter

Atualmente o elementary OS é composto por mais de 130 repositórios de código aberto no GitHub, possui um ambiente desktop reconhecido pela Free Desktop Org  e traz mais de uma dúzia de ferramentas próprias, dentre elas uma loja de aplicativos exclusiva, com aplicativos desenvolvidos especialmente para o sistema operacional.

Além disso, vale lembrar que o elementary OS já está sendo enviado como sistema operacional pré-instalado em vários desktops e laptops ao redor do mundo.

Uma grande trajetória

Com 10 anos de história, sabemos que o elementary OS teve um longo trajeto para ser o sistema que é hoje. Seu primeiro lançamento trazia o ambiente do GNOME 2 com seu tema de ícones, o aplicativo “Docky” e alguns aplicativos caseiros.

Com a dedicação em fornecer um sistema com todos os aplicativos nativos em GTK, ele inicialmente trazia como aplicativo principal um fork do gerenciador de arquivos do GNOME que se tornaria o atual “Pantheon-files”.

Install pantheon file manager on Ubuntu

Além dessas mudanças, na época de seu lançamento não havia muitas distinções entre ele e o Ubuntu 10.10, porém, vale lembrar que em seu início o projeto Ubuntu era apenas um Debian customizado.

O nascimento de uma nova interface

Com a chegada da versão 0.2 do elementary OS que tinha o codinome “Luna”, uma das principais mudanças que tivemos foi a interface, que deixou de ser o antigo GNOME 2, para dar lugar ao Pantheon Desktop.

luna

A interface ainda continha vários componentes do GNOME, porém, já estava bem mais produzida e o sistema trazia mais alguns aplicativos “caseiros”, além do recém-lançado “Plank”, o aplicativo de dock padrão do sistema.

Pay-what-you-want, uma evolução no projeto

Para o lançamento da versão 0.3 do sistema, que tinha o codinome “Freya”, além de funções como não perturbe, proteção de pastas no terminal e outras melhorias no sistema, a equipe viu uma oportunidade de transformar o elementary OS em um negócio.

O design do site foi alterado para o visual que temos hoje, onde para baixarmos o sistema de forma gratuita, precisamos de colocar o valor 0 (zero) no valor.

donwload

Essa mudança foi um sucesso e através do modelo pay-what-you-want, a Elementary Inc prosperou, sendo que agora possui vários funcionários contratados para continuarem melhorando cada vez mais o sistema.

Vale lembrar que esse modelo também está disponível na loja de aplicativos do sistema e incentiva a criação de novas aplicações para o sistema, já que os desenvolvedores podem gerar receita com seu software.

Deixando de ser um zero à esquerda

Para a quinta versão do sistema operacional, a equipe decidiu que era hora de mudar a numeração dos lançamentos que antes continham um 0 à esquerda, dando a impressão de que o sistema ainda não estava pronto.

Na época do lançamento, a interface Pantheon já era reconhecida pela Freedesktop Org, existia um conjunto bastante maduro de aplicações padrão e vários recursos modernos para competir com sistemas operacionais de mercado.

Você já conhecia o elementary OS? Quais mudanças você gostaria de ver nos próximos anos do projeto? Deixe pra gente nos comentários e até o próximo artigo!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste