Lutris 0.5.8 chega de cara nova e todo poderoso

lutris-novo

Na última segunda-feira (19/10/2020) foi lançada a versão 0.5.8 do gerenciador de jogos Lutris. Esta nova versão, que atualmente ainda encontra-se em fase de desenvolvimento é uma das maiores atualizações já trazidas pelo projeto. Trazendo uma interface completamente nova, virá acompanhada de uma “chuva” de novas funcionalidades.

A nova interface do Lutris

Ao iniciar o Lutris 0.5.8 pela primeira vez já possível perceber a grande diferença na interface do software, que foi redesenhada do zero, a fim de entregar um visual mais moderno e intuitivo.

novo-lutris

Uma das primeiras coisas a chamar a atenção é a ausência da barra de ferramentas na lateral direita. Ao invés disso, agora ao clicar sobre um jogo específico será exibida uma barra na parte de baixo da janela indicando o nome e a plataforma do jogo selecionado.

barra-ionferior

Conforme pode ser visto na imagem acima, na barra inferior também pode ser encontrado o botão de “Play”, e ao lado dele uma “seta”, que abre um submenu contendo todas as opções que nas versões anteriores do Lutris encontravam-se na barra da lateral direita.

A nova barra lateral

A nova barra localizada na lateral esquerda do Lutris não é completamente nova, mas sim uma versão “turbinada” daquela que já existia nas versões anteriores do software.

lutris-barra-lateral

Fazendo um “scan” de cima para baixo, na sessão “Library” temos as seguintes abas: 

Games:

Aqui são exibidos todos os jogos da sua biblioteca do Lutris. a aba “Recent” que como o próprio nome já diz, contém os jogos que você acessou mais recentemente, e por fim a sessão “Favorites” que mostra os jogos que você marcou como favoritos.

Sources:

Esta é uma das novidades mais interessantes nesta nova atualização. Através da sessão “sources”, com poucos cliques você pode conectar e sincronizar as suas contas do Lutris, GOG, Humble Bundle, Steam e também os jogos localmente instalados na sua máquina.

Runners:

Conforme mostrado na imagem acima, logo abaixo dos serviços conectados na sessão “Sources” nós temos a sessão “Runners”, que irá exibir todos os softwares responsáveis por lançar e/ou executar os jogos que você adicionou na sua biblioteca do Lutris. Alguns exemplos de Runners são emuladores de consoles, o Wine, e até mesmo o seu próprio sistema operacional Linux (para jogos nativos que são DRM Free).

Mudanças na barra superior do Lutris

A “headbar”, ou barra superior, também recebeu alguns ajustes. Partindo da esquerda para a direita temos o botão “+”. É através dele que você irá adicionar novos jogos de emuladores, nativos de Linux ou via Wine que não estão presentes nas lojas/launchers que você sincronizou com o Lutris.

cabecalho-headbar

No centro da headbar temos o campo de busca, no qual você poderá realizar pesquisas por jogos locais ou na biblioteca online do Lutris. No canto direito temos os botoes para alterar o modo de visualização (grade ou lista), e também para acessar as configurações do software.

Mais, muito muito mais…

A lista do que foi implementado nesta versão do Lutris é enorme, e além de tudo o que já foi mostrado neste artigo, ainda há uma lista enorme de correções e novas funcionalidades, das quais podemos destacar:

  • A janela de importação de jogos juntamente com toda a antiga forma de importar jogos de outros serviços foi completamente removida. Visto que as implementações na barra lateral substituíram estas funcionalidades;
  • Após ter feito login na sua conta do Lutris, você poderá efetuar as suas pesquisas tanto em toda a biblioteca do serviço, quanto apenas na sua própria;
  • Jogos não dependem mais de um script de terceiros para estarem presentes no site. Caso não haja nenhum script personalizado para um jogo em específico, um script gerado automaticamente pelo próprio site será utilizado para a instalação do jogo em questão;
  • Os jogos da Steam agora são sincronizados automaticamente com a API da Steam, não sendo mais necessário sincronizar a sua conta da Steam com o Lutris através do site;
  • Adicionada a opção de esconder o texto abaixo dos ícones;
  • Conteúdos extra para os jogos da GOG, como trilhas sonoras ou manuais podem ser selecionados e baixados automaticamente durante o processo de instalação do jogo. Tais arquivos serão armazenados em uma pasta chamada “Extras” na página do jogo instalado;
  • A sessão de favoritos mencionada anteriormente, também é uma novidade que está “dando as caras” pela primeira vez nesta versão do Lutris;
  • Agora ao desinstalar um jogo o Lutris informará o tamanho da pasta a ser apagada;
  • Ao remover um jogo não serão apagadas quaisquer pastas que estejam também relacionadas a outros jogos;
  • Adicionada uma opção para ativar o MangoHud em jogos que utilizem tanto Vulkan quanto OpenGL.

Uma lista completa com todas as novidades trazidas pela versão 0.5.8 do Lutris  pode ser encontrada na página de releases do Github do software.

A versão 0.5.8 Beta do Lutris pode ser instalada ainda hoje no Ubuntu (e derivados) através do pacote “.deb” disponibilizado na página de releases. Porém, sabemos que versões “Betas” estão sempre mais sujeitas a bugs do que as versões estáveis, por isso recomendamos que você aguarde o lançamento da versão final do software, que será anunciada no Diolinux Plus.

O que você achou sobre o novo visual e todas as novas funcionalidades trazidas pelo Lutris? Conte-nos nos comentários abaixo!

Isso é tudo pessoal! 😉


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste