GNOME

GNOME 45 oferece novo design e refatora extensões

Programado para ser oficialmente lançado no dia 20 de setembro, o GNOME 45 promete ser mais uma iteração marcante, com algumas mudanças fundamentais no funcionamento e design de um dos principais ambientes gráficos do mundo Linux. Vejamos algumas das principais inovações do GNOME 45.

Um novo começo

Começando com uma polêmica, o GNOME 45 representa um novo começo para as extensões. Até então, elas foram construídas com um padrão JavaScript próprio, o GJS, entretanto, para maior compatibilidade ao ecossistema JavaScript, os desenvolvedores decidiram mover ao ECMAScript 6, agora elas são carregadas como módulos.

As possibilidades serão expandidas, entretanto, todas as extensões precisarão de ajustes para se manterem compatíveis daqui para frente. Sendo assim, as extensões do GNOME passarão a ter uma versão “pré GNOME 45” e outra “a partir do GNOME 45”.

Este tipo de decisão, apesar de importante, pode ser problemática, pois toda a comunidade de desenvolvedores de extensões precisa se movimentar para manter seus softwares compatíveis.

Menu “Atividades”

Após pesquisas com o público, Tobias Bernard, desenvolvedor que contribui com o GNOME, descobriu que grande parte dos entrevistados não entendia o propósito do botão “Atividades”, muitos nem mesmo percebiam que era algo clicável, atrapalhando a encontrar os programas instalados.

Para que este recurso se torne mais útil no fluxo de trabalho no desktop, ele foi substituído por formas abstratas, num ícone dinâmico que indica qual área de trabalho está ativa, podendo ser alternada rolando o scroll do mouse, quando com a seta sobre ele.

desktop gnome 45

Gerenciador de arquivos mais rápido

Durante este ciclo de desenvolvimento, o GNOME focou em otimizar diversos pontos, para oferecer uma experiência mais rápida, um dos principais beneficiados é o Nautilus. Agora, conseguimos navegar entre pastas, pesquisar arquivos e visualizar as thumbnails com maior velocidade. A ferramenta de pesquisa ainda recebeu a funcionalidade de pesquisa em diretórios anteriores ao atual, pressionando em “Search Everywhere”, além disso, não altera a forma de visualização, nem adiciona dados ao histórico.

gerenciador de arquivos GNOME 45

Painel de configurações rápidas

Computadores com teclado retroiluminado compatível, agora têm a opção de ligar, desligar e ajustar a luminosidade diretamente do painel de configurações rápidas, no mesmo lugar onde já ajustávamos o brilho da tela.

brilho teclado GNOME 45
Imagem: OMG! Linux

Você consegue acessar as configurações rápidas pelo atalho Super + S. Agora elas atualizam imediatamente ao alternar o status do Bluetooth, por lá, ainda conseguimos acessar redes OWE (Opportunistic Wireless Encryption).

Configurações

O aplicativo de configurações recebeu alguns ajustes, podemos configurar o formato da hora e data sem recorrer ao GNOME Tweaks. Há uma nova sessão para privacidade, com todos os sub painéis em uma mesma categoria, onde conseguimos ajustar a tela de bloqueio, serviços de localização, câmeras, microfones, além do Histórico de arquivos e lixeira.

privacidade GNOME 45

Os detalhes do sistema no menu “Sobre”, adquiriram organização condensada, com mais informações sobre seu computador e os softwares instalados.

detalhes GNOME 45

Ao escolher a configuração do teclado na barra superior, há o suporte à biblioteca Tecla para pré-visualizar o layout.

layout teclado gnome 45

Novos aplicativos e mais transparência

Temos dois novos aplicativos padrão no GNOME 45, entretanto, aderi-los, cabe à distro que você instalar. Eles são o Loupe, um visualizador de imagens e o Snapshot, um aplicativo para câmeras, que substituem o Eye of GNOME e o Cheese, respectivamente.

O Snapshot não oferece filtros como o Cheese, sendo uma aplicação mais sóbria, permitindo capturar fotos e filmagens. Já o Loupe, renomeado como Visualizador de Imagens, tem como diferencial, suporte ao formato JPEG-XL, renderização SVG isolada, navegação aprimorada em imagens compartilhadas via SMB, melhores controles e suporte a gestos em telas sensíveis ao toque, além de uma caixa de diálogo nativa para impressão.

loupe GNOME 45

Em adição ao indicador de microfone, agora temos um indicador de câmera, ativo via PipeWire, também exibido na barra superior, indicando quais programas estão utilizando o acessório. Dessa maneira, você fica mais seguro, sabendo quando sua câmera está ligada.

Ademais, diversos aplicativos receberam melhorias na interface e funcionalidades:

  • O calendário ganhou um atalho para sincronizar (F5) e outro para gerenciar seus calendários (Ctrl + Alt + M);
  • A loja de aplicativos consegue remover dados de aplicativos durante a desinstalação de Flatpaks, apresenta notificações de erro mais precisas em falhas de checagem GPG e permite desabilitar animações conforme as configurações de acessibilidade;
  • O Console recebeu um botão de preferências, onde podemos, por exemplo, customizar fontes;
  • Mapas ganhou um botão de zoom diretamente no canvas, assim como um indicador de direção no cabeçalho;
  • O Simple Scan, aplicativo para escanear documentos, foi portado para GTK 4;
  • A Calculadora consegue converter mais moedas;
  • O navegador GNOME Web (Epiphany) recebeu um visualizador de abas animado, atualizado em tempo real;
  • Nas configurações, quando o usuário se encontra offline, há um novo banner no painel de contas de usuário, indicando que, para criar uma nova conta, é necessário se conectar à internet. Além disso, se não houver outros usuários, não será mais exibida a sessão de “Outros Usuários”;
  • Notificações podem ser dispensadas pelo atalho “Backspace”.
Mapas GNOME 45

Barras laterais maiores

As barras laterais dos aplicativos agora ocupam completamente o espaço, da base ao topo, dessa maneira, além de oferecer um visual mais consistente, aprimora a adaptatividade em diferentes tamanhos de janelas. Alguns dos programas que se adaptaram são o Nautilus, Calendário, Fontes, Contatos e as Configurações.

Por onde posso utilizar o GNOME 45?

A versão final do GNOME 45 ficará pronta amanhã, dia 20 de setembro, distros que seguem o regime rolling release, como o Arch Linus, endeavourOS e Manjaro, deverão receber nas próximas semanas. 

Além disso, ele estará presente no Ubuntu 23.10, que será lançado em 12 de outubro e no Fedora 39, no mesmo mês.

Diolinux Ofertas - Aproveite os melhores descontos em diversos produtos!