Serviço Have I Been Pwned terá o seu código aberto

Agora de código aberto

É bem provável que você já tenha sido vítima de algum vazamento de dados. Grandes empresas como Adobe, Dropbox, LinkedIn e Yahoo já tiveram dados de seus usuários expostos, além de diversos outros casos que nem ficamos sabendo. Existe um serviço chamado Have I Been Pwned que pode te ajudar a descobrir se seus dados já foram expostos.

Criado em 2013 por Troy Hunt, o Have I Been Pwned reúne diversos vazamentos de dados e é possível verificar se você foi afetado com uma simples pesquisa pelo seu endereço de e-mail. Também é possível checar se a sua senha foi exposta em algum desses vazamentos, mas você deveria estar utilizando senhas únicas para cada serviço através de um gerenciador de senha.

O HIBP também conta com uma API para integrar estes dados em outros produtos. Grandes empresas utilizam este serviço, como é o caso do Firefox Monitor, que possui integração no navegador da Mozilla, e utiliza os dados do HIBP para avisar ao usuário se seus dados foram expostos.

Decisão para abrir o código do Have I Been Pwned

Depois de uma tentativa não sucedida de venda, Troy Hunt resolveu continuar liderando o projeto e abrir o código do serviço. A motivação por trás disso, é que o projeto não pode depender exclusivamente de uma pessoa, e isso irá garantir um futuro sustentável para o projeto.

O Have I Been Pwned sempre dependeu de contribuições da comunidade para permanecer vivo. Os vazamentos sempre foram enviados de maneira livre por membros da comunidade, e a maioria dos serviços que permitem o HIBP existir são cedidos de maneira gratuita pela Cloudflare.

O serviço sempre teve uma mentalidade aberta, mantendo todas estas informações disponíveis de maneira gratuita e livre, além de contar com diversos reports em seu blog contando sobre melhorias de performance e otimização do sistema.

O Have I Been Pwned sempre teve uma mentalidade aberta
O Have I Been Pwned sempre teve uma mentalidade aberta

Como o próprio Troy Hunt informou, não existe nenhum “molho secreto” por trás do Have I Been Pwned, e abrir o código fonte resolve o problema de algumas pessoas desconfiadas do que o serviço pode estar fazendo com os dados inseridos.

Abrir o código também vai possibilitar que mais pessoas ajudem o projeto, para que ele cresça ainda mais e se torne independente de uma única pessoa.

Quando o código estará disponível

O código ainda não está disponível de maneira aberta, visto que isso leva tempo e não é tão simples quanto “jogar o código no GitHub”, mas com o tempo podemos esperar que cada vez mais partes do código estejam disponíveis de maneira pública, afim de tornar a internet mais segura.

Você já conhecia este serviço? O que achou da decisão de abrir o código? Deixe nos comentários!

Até a próxima!

Talvez Você Também Goste