Criar um pendrive bootável para formatar o computador já foi uma tarefa complicada, onde não existiam softwares multiboot amigáveis ou os poucos que existiam precisavam regravar toda a ISO no dispositivo.

O Ventoy, é uma solução amigável e intuitiva para a criação de seu pendrive bootável e em sua versão mais recente, o processo de instalação ficou ainda mais fácil com sua nova interface gráfica.

Um software poderoso

Disponível para Linux e Windows, o Ventoy tem uma forma de funcionamento bastante interessante, instalando um gerenciador de boot em uma partição EFI que pode dar inicializar arquivos .iso copiados para uma segunda partição criada pelo software.

Mesmo sendo um pendrive bootável, o Ventoy permite que você deixe outros arquivos salvos no pendrive sem nenhum problema, o que é interessante para técnicos de informática que podem deixar além dos sistemas operacionais, diversos programas para um pós-formatação.

Facilitando a instalação

Antigamente, para instalar o Ventoy através do Linux era necessário utilizar um comando no terminal e o usuário precisava de saber algumas informações como, por exemplo, o diretório do pendrive (/dev/sdX).

Com a interface gráfica, a instalação fica mais simples, visto que o usuário não precisa obrigatoriamente dessa informação, contanto que saiba quantos GB seu dispositivo de armazenamento possui.

7SWKxDIQJVNwV6GltzQt99slxYK4MTNCXLG2V5XsyLlvuq aPOizo JAAJa62XntHPLq0WjXDyHmDodlPDN

Utilizando o Ventoy GUI

Ao baixar a nova versão do Ventoy, você irá se deparar com quatro executáveis, sendo eles: 

  • VentoyGUI.x86_64;
  • VentoyGUI.aarch64;
  • VentoyGUI.i386;
  • VentoyGUI.mips64el.

Basta dar dois cliques no executável correspondente a sua arquitetura de sistema que o instalador irá se abrir. Caso ainda assim o instalador não abra, verifique se ele está com as permissões de execução.

Se você ainda não possui o Ventoy, basta realizar o download em seu site oficial.

Você utiliza o Ventoy? O que acha da nova versão? Deixe sua opinião nos comentários e até o próximo artigo!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste