Softwares

Entenda a diferença entre Steam Native e Steam Runtime

Usuários Linux que gostam de jogar, provavelmente já se depararam com duas versões da loja de jogos de computador mais popular de todos os tempos: Steam Native e Steam Runtime. Essas duas opções podem gerar confusão, afinal, qual devemos usar? Existem casos em que um é melhor do que o outro? Hoje você vai entender de uma vez por todas o que significa essas duas opções de Steam para Linux.

Steam Runtime

O Steam Runtime funciona em um contêiner, que contém uma biblioteca chamada “LD_LIBRARY_PATH runtime”, com todos os pacotes que os desenvolvedores consideram ser necessários para a loja e os jogos funcionarem corretamente. Dessa forma, em qualquer distribuição, com as mais diversas configurações, das mais antigas, até as mais recentes, a experiência será previsível e os jogos funcionarão da mesma forma.

Os desenvolvedores do Steam no mundo Linux adotaram uma metodologia onde, em seus softwares, há uma versão totalmente experimental, com a qual eles testam os novos recursos, outra intermediária, onde há algumas correções e por fim, a edição estável para lançamento. As coisas são assim tanto com o Proton, quanto com o Steam Runtime, cujas três edições são:

  • Scout: versão estável distribuída em repositórios e lojas de aplicativo;
  • Soldier: intermediária, já testada, com algumas correções, mas ainda pode ocasionar alguns erros;
  • Sniper: totalmente experimental, com funcionalidades ainda não testadas.

A escolha destes nomes é uma referência às classes disponíveis aos jogadores de Team Fortress, um jogo online mantido pela Valve.

Steam Native

Já o Steam Native não vem com a biblioteca de pacotes necessárias, ele utiliza o que está presente no sistema, isso pode causar uma experiência instável e em certos casos o jogo poderá não funcionar corretamente. Entretanto, jogadores já relataram desempenho melhor em alguns títulos, dependendo da distro Linux que está sendo utilizada.

Ademais, esta abordagem abre espaço para quem quiser testar pacotes diferentes em seus jogos para ver no que vai dar, dessa forma, há a oportunidade para usuários e desenvolvedores construírem sua própria biblioteca otimizada.

Qual devo utilizar?

Você pode instalar as duas opções do Steam no seu computador e utilizar qual preferir, dessa forma ainda é possível testar em qual delas o seu jogo funcionará melhor. Se quiser ter uma experiência mais próxima da proposta pelos desenvolvedores, utilize o Steam Runtime.

Caso seja uma pessoa curiosa e aventureira, você pode utilizar o Steam Native para ver se consegue mais desempenho com os pacotes presentes em seu sistema operacional, ou se quiser testar novos pacotes. Alguns usuários relatam não perceber muitas diferenças entre os dois, outros dizem que pode ser o fator determinante para algum título funcionar ou não, cada caso é um caso.

A biblioteca de pacotes utilizada pelo Steam interfere tanto em jogos nativos para Linux, quanto naqueles que dependem da camada de compatibilidade Proton para funcionar, dessa forma, há a possibilidade de combinar versões instáveis do Steam com versões instáveis do Proton. Não se preocupe, pois mesmo com o arranjo mais instável possível, isso afetará apenas a execução do jogo, seu sistema operacional continuará intacto, para reverter, basta mudar as opções.

Qual versão do Steam você utiliza no Linux? Prefere não se arriscar e ter uma experiência padrão e estável com o Steam Runtime, ou gosta de fazer experimentos com o Steam Native? Conte-nos nos comentários e interaja com a comunidade do fórum Diolinux Plus!

Diolinux Ofertas - Aproveite os melhores descontos em diversos produtos!