Krita é uma ferramenta de pintura para cartunistas, ilustradores e artistas conceituais em geral. Ao longo dos últimos anos vem ganhando notoriedade e espaço nesse nicho. Nessa última versão, o pessoal do Krita, anunciou a correção de mais de 1000 bugs.

Na nova versão do Krita, foi finalmente reunido o código que eles desenvolveram para dar suporte às mesas digitalizadoras no Windows (tanto no Wintab quanto no Windows Ink), macOS e Linux. Código esse existente na plataforma que eles utilizam para desenvolver o programa, o Qt.

Uma funcionalidade adicionada, foi o suporte a monitores HDR, graças ao trabalho colaborativo com a Intel. Por hora, tal funcionalidade só está presente na versão para Windows 10.

Agora você também pode desfazer “movimentos” feitos pela ferramenta “Mover”, quantas vezes precisar, como pode ver na gif abaixo.

IrkdzpSAqfRDQFw09kZ5g4Yuka vFTTU34z HqudzVu DMx3dwRx6F2iFrECYEmuxZNeczT68

Outras melhorias foram:

-Melhor desempenho da velocidade do pincel;

-Docker da paleta de cores aprimorado;

-Nova API de animação em Python;

-Configuração dos arquivos de backup;

-Entre outras.

Para conferir todas as novidades, basta acessar o site do Krita através deste link.

Se você quiser baixar o Krita, ele está disponível em alguns formatos, como Snap, Flatpak, AppImage e via PPA para as distros base Ubuntu.

Krita no formato Snap;

Krita no formato Flatpak;

Krita no formato AppImage;

Krita via PPA.

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá  no nosso fórum.

Espero você até a próxima, um forte abraço.


Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste