Como usar o OneDrive no Linux sem complicação

O OneDrive para Linux não possui um cliente oficial feito pela Microsoft mas isso não quer dizer que você não pode utilizar o serviço no pinguim, veja como.

OneDrive para Linux

OneDrive no Linux com Storage Made Easy

A dica de hoje é muito legal! Com ela você vai poder utilizar o OneDrive e de “lambuja” o Google Drive também usando o mesmo software.
Storage Made Easy é um serviço que usa o software open source chamado “Fuse” para dar suporte a APIs dos mais populares serviços de armazenamento do mercado.
O serviço da suporte à mais de 50 serviços de armazenamento incluindo o OneDrive, o SME, ou Storage Made Easy, consegue unificar vários serviços em um cliente só e também possui um serviço próprio de armazenamento, ele é muito prático.

Como usar o OneDrive no Linux

O primeiro passo é criar uma conta no Storage Made Easy, você pode fazer isso no site deles clicando aqui.
Depois de criar a sua conta será enviado um código para o e-mail que você usar para criar a sua conta. Obs: Não é necessário que este e-mail seja o do OneDrive.
Agora será necessário adicionar a sua conta OneDrive ao Storage Made Easy, para isso faça login no site e encontre a opção “Add a Cloud Provider” como mostrado na imagem abaixo.
OneDrive no Linux
E adicione o OneDrive aos seus serviços como mostrando na imagem abaixo:
OneDrive no Linux
Será necessário fazer login na sua conta OneDrive e autorizar o uso do serviço, basta seguir os passos na tela.
Agora para você ter os seus arquivos sincronizados no seu computador vamos baixar o cliente Linux e instalar, uma observação interessante é que o Storage Made Easy possui clientes para Windows e Mac também.
Você pode baixar o cliente Linux aqui.
As distribuições suportadas são, Ubuntu, Debian, CentOS, Fedora, openSUSE e Mandriva, mas basicamente qualquer distro que use pacotes DEB e RPM pode usar o SME.
Você baixará um arquivo compactado, dentro dele haverá o pacote .deb ou .rpm que você deve instalar dando dois cliques.
Depois de instalado bata procurar por “SME Client” no menu do sistema, selecionar um servidor e entrar com os seus dados de login, depois disso é só aguardar a sincronização dos arquivos.
Basicamente é isso, agora você pode usar o OneDrive no Linux sem muita complicação e sem digitar um comando sequer percebeu? 🙂 
Algumas pessoas questionam a utilização de serviços da Microsoft no Linux, mas eu por exemplo sou um usuário antigo das contas deles, da época do “Windows Live Messenger” ainda e tenho 25 GB no OneDrive que não estou utilizando com toda a potencialidade que poderia, apesar do Google Drive ser o meu favorito é bom saber que posso usar qualquer tecnologia à meu favor.
Até a próxima!

————————————————————————————————————————–
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Talvez Você Também Goste