Anunciado o primeiro sistema operacional autônomo do mundo

Anunciado o primeiro sistema operacional autônomo do mundo

A Oracle Corporation é uma empresa especializada no desenvolvimento de hardware e software, como também banco de dados. Muitos podem conhecer a empresa justamente por seu poderoso banco de dados relacional, pois o Oracle Database é o SGDB mais utilizado do mundo. Não esqueçamos do Java, também de responsabilidade da empresa.      

Com forte posicionamento no mercado, e boa reputação, a Oracle além de líder em muitos setores, é conhecida por sua inovação no mundo dos softwares. Após pouco mais de duas décadas do lançamento de seu primeiro banco de dados relacional comercial para Linux, a empresa aposta em um sistema autônomo e baseado em Linux.  

Oracle Autonomous Linux OS é o primeiro sistema autônomo desenvolvido

Pensado como uma solução do lado do servidor, com muita flexibilidade e enorme escalabilidade. A distribuição Linux da Oracle fornecerá tranquilidade na manutenção de servidores em nuvem, pois consegue empregar de forma autônoma o processo de aplicação de patches, possui capacidade de monitoramento e controle sobre sistemas (independente de serem executados sob Linux, Windows ou as versões mais recentes do Oracle Autonomous Linux OS).  

Estima-se que preciosos recursos em TI podem ser liberados, dando foco a tarefas estratégicas na área. Segundo a Oracle, com ajuda do aprendizado de máquina (machine learning) a API da infraestrutura de nuvem é capaz de executar patches automatizados, relatórios de segurança e gerenciamento de todas as configurações.  

As principais características do Oracle Autonomous Linux OS, são:  

  • Correção e ajuste automáticos, com geração de relatórios de diagnóstico do SO;
  • Manutenção do kernel Linux e a Key User Library, através da instalação automatizada de patches de segurança diariamente. Também concedendo proteção contra ataques de malware internos e externos, bloqueando quaisquer explorações conhecidas;
  • Eliminação do tempo de inatividade desnecessário em todos os processos.

Comentando um pouco mais sobre o sistema operacional autônomo, o vice-presidente do Grupo de Desenvolvimento de Software e Código Aberto da IDC, Al Gillen, disse: “Esse recurso transforma efetivamente o Oracle Linux em um serviço, liberando os clientes para concentrarem seus recursos de TI na aplicação e na experiência do usuário, onde eles podem oferecer uma verdadeira diferenciação competitiva.”  

Os serviços do Oracle Autonomous e gerenciamento do sistema estão inclusos no suporte Oracle Premier, que é um serviço de suporte voltado ao mundo corporativo. De acordo com uma estimativa da empresa “a maioria dos clientes” podem obter uma economia de 30 a 50% no custo total, utilizando todos os benefícios de seu sistema autônomo.   

É notório o domínio do Linux no meio corporativo, uma grande parte da internet é baseada no pinguim. Olha que tem gente que ainda afirma que Linux não presta, haja paciência (😔️😔️😔️).  

Faça parte de nosso fórum Diolinux Plus, até o próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎  

Fonte: Fossbytes, Oracle.


Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
Libre Office 6.2 lançado com nova interface
Continue lendo

Libre Office 6.2 lançado com nova interface

Ferramentas para criação de documentos existem aos montes, no entanto as mais famosas são: o Microsoft Office e Libre Office, e por ser uma alternativa livre, o Libre Office sempre foi visto como o rival do concorrente, porém, seu visual afastava alguns usuários que não conseguiam migrar unicamente pela aparência da aplicação, fazendo com que acabassem procurando alternativas, como o WPS Office ou o Softmaker Office.
Design sem nome 1 30
Continue lendo

Análise do Linux Mint 16 Petra – Release Canditate

Olá pessoal, mais um vídeo com uma review completa de uma distribuição, dessa vez o "alvo" foi o Linux Mint 16 PETRA, em sua versão Release Candidate, o vídeo ficou realmente comprido assim como a review do Elementary, mas vale a pena com toda a certeza especialmente para você que ainda não conhece a distribuição.
TOP 8 Games Clássicos para Linux via Steamplay (2018)
Continue lendo

TOP 8 Games Clássicos para Linux via Steamplay (2018)

Como fizemos um artigo mostrando alguns jogos Trilpe A rodando no Linux de forma satisfatória, resolvemos trazer mais uma listinha para você e mostrar mais alguns jogos que já estão rodando via Steamplay, mas só que desta vez será alguns games clássicos, fazendo uma lista de jogos antigos e bons (2010 ou anterior) que você pode jogar no Linux (sem contar os nativos). Confira agora o TOP 8 Games Clássicos para Linux via Steamplay (2018).
Quem está construindo o Linux em 2017
Continue lendo

Quem está construindo o Linux em 2017

O Linux é um dos maiores projetos colaborativos de software do mundo, se não for o maior de fato. Isso acontece por conta a imensa quantidade de colaboradores que existem ao redor do mundo, são empresas de vários segmentos diferentes e colaboradores pessoais contribuindo diariamente.