Facebook transfere o controle do framework Ent para a Linux Foundation

Facebook transfere o controle do framework Ent para a Linux Foundation

O Facebook é uma das maiores empresas de tecnologia do mundo e está sempre investindo em novas ferramentas, APIs e frameworks para melhorar seus serviços e mantê-los mais seguros.

No ano de 2019, a companhia criou um framework open source chamado Ent que utiliza a linguagem de programação Go e facilita a manutenção de projetos que envolvem grandes modelos de dados.

Recentemente, o Facebook transferiu este projeto para a Linux Foundation. Neste post, vamos contar os motivos para isto e alguns dos impactos que essa mudança pode trazer.

O que é o Ent?

Criado pela equipe do Facebook Connectivity, o Ent é uma ferramenta de código aberto disponível sob a licença Apache para facilitar o trabalho de desenvolvedores que precisam manter uma grande base de código.

Por ser de código aberto, a ferramenta passou a ser utilizada por várias organizações como o Mail.ru, Scaleway e até mesmo o GitHub, serviço onde o projeto é hospedado.

Além de tantas organizações utilizando a ferramenta, o Ent passou a ser utilizado pela Cloud Native Computing Foundation (CNCF), uma organização ligada à Linux Foundation, que apoia e promove soluções para a nuvem.

Por que transferir o projeto?

Se o Facebook já estava mantendo o projeto, porque transferi-lo para a Linux Foundation? Segundo Ariel Mashraki, criador desta iniciativa, a organização segue um modelo de governança neutra e faria com que mais empresas se aproveitassem desta tecnologia.

(…) Esperamos dobrar o crescimento do Ent como padrão da indústria para acesso a dados em Go. Espere encontrar muitos projetos de desenvolvimento empolgantes na comunidade nos próximos seis meses e nós convidamos todos a participarem.

Ariel Mashraki

Um alcance ainda maior

Nestes dois anos em que era mantido pelo Facebook, o framework Ent conseguiu uma grande base de usuários e colaboradores, e, agora que está nas mãos da Linux Foundation, este número só tende a crescer.

Vale dizer que o Ent não é o único projeto criado por uma empresa sendo apoiado ou até mesmo transferido para a Linux Foundation. Projetos como o GraphQL, Presto e Magma também seguiram por este caminho.

Você conhecia o framework Ent? O que você achou da transferência do projeto? Deixe sua opinião nos comentários e até o próximo artigo!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste