Engine Visionaire Studio está chegando ao Linux muito em breve

Visionaire Studio linux

Uma das engines mais populares utilizadas para criar jogos 2D e 2.5D point & click dos últimos anos está “aterrizando” no Linux muito em breve.    

A Engine Visionaire Studio, que foi usada em alguns jogos como por exemplo a série Deponia e Anna’s Quest , Paradigm from Jacob Janerka, STASIS from The Brotherhood, Shadow Tactics – Blades of the Shogun e mais uma lista de games da Daedalic Entertainment, que você pode conferir aqui, agora pode ser usada no Linux.  

Geralmente esses games usam os editores Construct (2 ou 3) e o GDevelop, que visam deixar a construção dos games bem mais simples e fáceis. Esses editores trabalham no estilo event-driven system ou sistema orientado a eventos, que ao invés de escrever linha por linha do código do game, você “arrasta e solta” os elementos na tela. Porém, você pode também escrever linha por linha nesses editores.  

O anúncio da chegada da engine ao Linux foi feito pelo desenvolvedor principal, o SimonS, quando questionado por um usuário se a ferramenta estaria chegando ao sistema operacional. O post foi feito no blog oficial do projeto e você confere aqui. Ainda segundo SimonS, o suporte ao Linux chega na versão 5.1, que é o próximo update.  

Isso é muito bom, de ter mais engines chegando ao mundo Linux e assim facilitando a vida dos desenvolvedores e podendo ter mais jogos pra Linux 😀.  

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá no nosso fórum. Espero você até a próxima, um forte abraço.


Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Talvez Você Também Goste
Unite - Extensão “Pixel Saver” compatível com Ubuntu 19.04
Continue lendo

Unite – Extensão “Pixel Saver” compatível com Ubuntu 19.04

Pixel Saver é uma das extensões que sempre utilizei no GNOME Shell, para quem não conhece, ela é responsável por adicionar os botões das janelas (minimizar, maximizar/restaurar e fechar) na barra superior da interface. Convenhamos, ter duas barras e ocupando espaço em um monitor com baixa resolução é péssimo.