Como instalar o WineHQ no Ubuntu de forma correta

Como instalar o WineHQ no Ubuntu de forma correta

Há um tempo, fiz um tutorial de como preparar o seu Ubuntu ou Mint para jogar, nele ensinei como instalar o Wine que está no repositório do Ubuntu e do Mint. Hoje vou ensinar como instalar o WineHQ, direto da “fonte”.    

Antes de prosseguirmos, vamos reforçar mais uma vez, que o Wine não é um emulador, tanto que Wine é um acrônico de “Wine Is Not an Emulator”. Feito isso vamos ao tutorial.  

Primeiro vamos acessar o site winehq.org e ir na sessão Download.  

Depois vamos para a sessão referente ao Ubuntu.    

Bom, agora vamos precisar fazer alguns ajustes para depois começarmos a instalar o WineHQ. Primeiro vamos instalar o pacote libfaudio0 que a partir da versão 4.5 do Wine, é uma dependência essencial para o aplicativo. Se você estiver utilizando o Ubuntu 19.10, os pacotes FAudio já estão nos repositórios, portanto pode pular para a parte que adiciona o suporte à 32 bits.  

Para instalar no Ubuntu 18.04.3 ou Mint 19.x, você vai utilizar esses dois comandos no Terminal, um para a versão de 64 bits (AMD64) e o outro de 32 bits (i386). No momento a versão da lib é a 19.07-0, mas pode mudar, então é bom sempre ficar de olho aqui.   

Recomendamos salvar em pastas que você tenha acesso, como a pasta Downloads, que para acessar via terminal seria assim:    

Aí dentro da pasta, você roda os seguintes comandos para baixar:

wget https://download.opensuse.org/repositories/Emulators:/Wine:/Debian/xUbuntu_18.04/amd64/libfaudio0_19.07-0~bionic_amd64.deb
wget https://download.opensuse.org/repositories/Emulators:/Wine:/Debian/xUbuntu_18.04/i386/libfaudio0_19.07-0~bionic_i386.deb

Agora vamos instalar, com o seguinte comando:  

sudo dpkg -i libfaudio0_19.07-0~bionic_amd64.deb libfaudio0_19.07-0~bionic_i386.deb

Se tiver algum problema, é só rodar o comando:  

sudo apt --fix-broken install

Para instalar no Ubuntu 19.04, você vai utilizar esses dois comandos no Terminal, um para a versão de 64 bits (AMD64) e o outro de 32 bits (i386). No momento a versão da lib é a 19.08-0, mas pode mudar, então é bom sempre ficar de olho aqui.  

Aí dentro da pasta, você roda os seguintes comandos para baixar:  

wget https://download.opensuse.org/repositories/Emulators:/Wine:/Debian/xUbuntu_19.04/i386/libfaudio0_19.08-0~disco_i386.deb
wget https://download.opensuse.org/repositories/Emulators:/Wine:/Debian/xUbuntu_19.04/amd64/libfaudio0_19.08-0~disco_amd64.deb

Agora vamos instalar, com seguinte comando:  

sudo dpkg -i libfaudio0_19.08-0~disco_amd64.deb libfaudio0_19.08-0~disco_i386.deb

Se tiver algum problema, é só rodar o comando:  

sudo apt --fix-broken install

Agora vamos adicionar o suporte para 32 bits se o seu sistema for de 64 bits (que muito provavelmente é). Basta rodar esse comando:  

sudo dpkg --add-architecture i386

Vamos adicionar o repositório e a key (chave):  

wget -nc https://dl.winehq.org/wine-builds/winehq.key
sudo apt-key add winehq.key

Feito esses procedimentos, vamos adicionar o repositório.  

Para Ubuntu 18.04.3 :

sudo apt-add-repository 'deb https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu/ bionic main'

Para Ubuntu 19.04 :

sudo apt-add-repository 'deb https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu/ disco main'

Para Ubuntu 19.10 :

sudo apt-add-repository 'deb https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu/ eoan main'

Se tudo ocorreu dentro dos conformes e sem erros, vamos dar aquela atualizada:

sudo apt update

 Agora instalando o WineHQ

No repositório deles, tem 3 versões do Wine, sendo: Stable branch, Development branch e Staging branch. Para instalar eles é bem fácil, basta escolher o comando respectivo para cada versão.  

sudo apt install --install-recommends winehq-stable -y
sudo apt install --install-recommends winehq-devel -y
sudo apt install --install-recommends winehq-staging -y

Aí é só esperar a instalação completar e desfrutar o Wine direto da “adega” 😂. Para aqueles que jogam games do Windows no Linux, a recomendação é usar o WineHQ Staging.  

Este artigo não acaba aqui, continue trocando uma ideia lá no nosso fórum.   Espero você até a próxima, um forte abraço.


Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Talvez Você Também Goste
crie comandos personalizados
Continue lendo

Crie comandos personalizados de forma simples e rápida

Você está cansado de tentar, sem sucesso, decorar aqueles comandos enormes? Ou de vasculhar pastas e sites em busca daquele script que “volta e meia” você precisa rodar? Seus problemas acabaram! Crie agora um comando personalizado de forma simples e com poucos passos.