Como habilitar o Cubo na área de trabalho do Ubuntu 12.10

Como habilitar o Cubo na área de trabalho do Ubuntu 12.10

Habilite o efeito cubo na área de trabalho no novo Ubuntu

O Compiz foi motivo de muita alegria dos usuários Linux a alguns anos, depois que o Ubuntu implantou a interface Unity o compiz ficou “mais escondido” visto que o próprio Unity no inicio era apenas um plugin do mesmo.

Eu particularmente não tenho mais essa obcessão por efeitos no desktop, mas que eles dão um efeito legal ao uso do computador, certamente que o dão.

O cubo no desktop é um dos meus favoritos:

r4N 1FJCL2 KrRNGVBnxFZT2lqeUCiSUmS1SSY3RbjPGCdRj7kKYlqY0RsQg6SZ48l kk jX4mAPPykZ7fFoM A86sxR45vEl0KCXGrzMpGTwwZtKyQN WlWoE1sBI4iZ wvftH

Vamos aprender a habilitar o cubo no Ubuntu Quantal Quetzal 12.10:

Instalação

Primeiramente vamos precisar instalar o gerenciador do compiz:

sudo apt-get install compizconfig-settings-manager compiz-plugins-extra

hGmOFfwtOMh2szUe6lkxkuWbffJg32va RH5jaDF1ZBPP8k2OVPoiPLzWa2zXdWOUY0g1shEzRjC80kMyYErycofHfQ8Ejs3KLLz2Kx7zClPl8faE9R38kVFVHz gk0dMq3TWiIg

Abra o CompisConfig Settings Manager (CCSM) através da Dash do Ubuntu

Em opções gerais, vá na aba tamanho do desktop e deixe como está na foto abaixo:

hh9vhqbA zcH6m4EublJbBVZ0lNRVKeYLeuuCQc9Vet1bIwmzdkZsRerO5eFNCCtLziRIDB e5yWfKwEd2EV3rLMfr 01ki exJCKh64e7BMwlReBMbju33qYIAb7 TEg8U3Pteb

Em seguida, na sessão desktop habilite o desktop cube e o rotate cub, e desabilite o desktop wall

0QNZUqQdLH GFcndpy1vlTZN1eZenBambZ CB8fkYUXyqrSZGssjvPsSAQS0uBhKzFLjAlKl9bW0UCJafOjhp gGf5h bvdP0v 7HnwBdZNrVFFNDHcJTmm6xCvqatRYL61SVnp

Você ainda pode configurar o cubo no desktop a seu gosto clicando no íten, Desktop Cube, onde você pode definir um wallpaper como fundo do cubo e as cores que serão usadas no topo.

F9FpZ i738WkRmQnGoDEOkgVbog9eaE BOzVc jXNydEtTRsVCZNSVk6oVmBumzDEKQV0oTp0QmXcHBmg3BYt OUPF0GSYt7vX8dNM830qio2v1RJhSfCnLXqCUycRFIffjuLsd3

Obs: Se ao alterar essas configurações você perder a borda das janelas, não se preocupe, elas devem voltar na próxima reinicialização.

Fonte


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste