Depois de banir o Windows, China coloca o Ubuntu no computador mais rápido do mundo

Depois de banir o Windows, China coloca o Ubuntu no computador mais rápido do mundo

Mais uma prova de que o Linux é uma base forte e eficaz

O Governo Chinês cansou de “tretas janelânicas” e decidiu abolir o uso de Windows 8 em computadores federais da nação, no país a maiorias das máquinas rodam o Windows XP, que como sabemos foi abandonado pela Microsoft, apesar de tudo a empresa ainda tentou manter o suporte do sistema na China, mas o governo chinês que não é bobo nem nada se ligou que mais tempo ou menos tempo eles teriam que mudar o seu sistema operacional favorito.

E se for para mudar por que não Linux não é verdade, afinal, se eles mudassem para outra versão do Windows, mais tempo ou menos tempo a Microsoft obrigaria os usuários ao Upgrade novamente.

Oh Well, Linux Wins! Flawless Victory!

Mas como se não bastasse o banimento do sistema operacional Windows 8, agora o computador chinês mais veloz do mundo roda Ubuntu.

O computador mais rápido do mundo roda Ubuntu

O computador em questão é o Tienhe-2, um supercomputador de Guangdong na China, que, pasmem, tem 32 mil processadores Intel Xeon E5-2692 de 12 núcleos 2,2 GHz e mais 48 mil coprocessadores Xeon Phi, cada um com mais de 50 núcleos de processamento, a máquina tem a capacidade de fazer 33,86 quadrilhões de operações por segundo.

É, acho que roda Crysis 3…

A China é um mercado em amplo crescimento e especialmente a Canonical vem trabalhando muito bem com ele, tanto que um dos primeiros smartphones com Ubuntu Touch é de lá, temos o Ubuntu Kylin, que é a versão Chinesa do Ubuntu para desktops e agora esta grande novidade, comprovando que o Ubuntu é uma das melhores plataformas do mundo.

Fonte


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
Certified Hardware, seu computador pode rodar o Ubuntu?
Continue lendo

Certified Hardware, seu computador pode rodar o Ubuntu?

Este artigo é uma sugestão que eu recebi por e-mail, infelizmente não consegui mais encontrá-lo para informar o nome da pessoa, de qualquer forma, obrigado pela sugestão, este é realmente um assunto muito interessante e importante, e talvez poucos usuários conheçam.