AppImageHub, a loja dos AppImage

AppImageHub, a loja dos AppImage

Flatpak e Snap possuem sites com aspectos de loja, agora o Appimage entra na onda com o AppImageHub.

Não sabe o que é um AppImage? Aprenda tudo sobre ele, acesse a matéria e comece a usufruir de programas neste formato.

O ano de 2018 foi repleto de novidades para as novas formas de distribuir softwares no Linux. Tivemos implementações no Flatpak, um novo visual ao Flathub, melhorias no Snap e muito mais. Em meio a tantas notícias sobre tais formatos, o AppImage acabou ficando na sombra, e aparentava estar esquecido por alguns usuários.

Eis que em 2019, o antigo site de downloads da maioria dos AppImage, é substituído pelo novíssimo AppImageHub, não apenas uma central de software. Novas funções, classificação dos Apps em categorias e claramente um polimento visual.

site-appimagehub-download-appimage

Melhorias implementadas com o usuário em mente

Além do novo visual, o AppImageHub traz funcionalidades interessantes como: Acesso ao site oficial da aplicação, Bugtracker (para relatar erros no software), FAQ da aplicação, na qual dúvidas frequentes podem ser solucionadas e link para contribuição ao projeto, por meio de apoio financeiro.

appimagehub-appimage-download

Nem todos softwares possuem essas funções disponíveis. Parece que é algo referente à quem os distribui, se tais possibilidades existem, são linkadas na página do App no AppImageHub.

appimagehub-appimage-synfig-studio

Selecionando a categoria desejada, são demonstradas imagens ilustrativas, breve resumo e quando disponível, as opções descritas acima. Funcionalidades básicas como: Download do software, quem o distribui, e o site/Github, também estão presentes.

Mini passo a passo, e opções que muitos desconhecem

Informações de como usar um AppImage, atualizá-los sem necessidade de ir em sua página, integração ao sistema, torná-lo SANDBOX como um Flatpak ou Snap, estão acessíveis no site, como também um agradecimento aos desenvolvedores que possibilitam a distribuição de suas aplicações no formato AppImage.

Testando algumas sugestões do AppImageHub

Novidades são sempre bem-vindas, mas é notório que algumas sugestões da equipe do AppImage não dependem deles, mas de quem distribui os softwares no formato. Efetuei o procedimento para atualizar os AppImages por meio da ferramenta AppImageUpdate, em 3 aplicações diferentes, o Synfig Studio, Gimp e Kdenlive, mas sem sucesso.

appimage-updater-atualizar-appimage

A necessidade de download manual a cada versão pode ser, para muitos, uma desvantagem. Se depender da equipe do AppImage, que já demonstra uma iniciativa, esse problema num futuro não existirá.

Acesse o site AppImageHub e confira as novidades, esse tipo de aplicação é bem prática, quando menos esperar, estará utilizando varios AppImages.

Usa aplicações em AppImage? Conte-nos e comente sobre quais apps gostaria de usar neste formato e quais funcionalidades deseja aos AppImages e AppImageHub para versões futuras.

Até mais, nos vemos no próximo post, SISTEMATICAMENTE!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
Como instalar o leitor de pdf OKULAR no Ubuntu e Linux Mint
Continue lendo

Como instalar o leitor de pdf OKULAR no Ubuntu e Linux Mint

Hoje em dia é primordial ter um leitor de pdf sempre a disposição, se vier junto ao sistema, melhor ainda. Muitas distros já vem com algum leitor instalado (como Evince ou o Xreader) e se você não quiser instalar nenhum, ainda pode usar o Google Chrome para isso. Mas hoje vamos mostrar como instalar o OKULAR, o leitor de pdf do projeto KDE.
O mundo sem Linux - Segundo episódio legendado
Continue lendo

O mundo sem Linux – Segundo episódio legendado

A Linux Foundation está fazendo uma série de vídeos sobre como seria "O mundo sem Linux", chegamos agora ao segundo episódio, no primeiro episódio de "O mundo sem Linux" nós vimos o que aconteceria com os mecanismos de busca e a internet como um todo, vamos descobrir o que acontece sem o Linux para "nos guiar"?
Como programar em C/C++ no Ubuntu
Continue lendo

Como programar em C/C++ no Ubuntu

Olá você! Vamos continuando a nossa série de dicas de como programar utilizando Linux, especialmente o Ubuntu. Esta série está sendo coescrita com o nosso leitor Tiago Funk, que já falou sobre a criação de um ambiente básico para programar em Java e em Python.