Emulador de Nintendo 3DS no Linux

O Citra é um emulador de Nintendo 3DS multiplataforma (Linux, Mac e Windows) escrito em C++ que utiliza o framework QT em seu desenvolvimento, de código aberto sobre a licença GPLv2, vem há alguns anos ganhando destaque por suas implementações aceleradas e alta compatibilidade com os títulos de Nintendo 3DS, console este que é campeão de vendas na categoria de portáteis, chegando até desbancar seu concorrente direto, o PS Vita da empresa japonesa Sony.  

Durante estes pouquíssimos anos de existência, desde 2014 (comparado a outros emuladores famosos como PPSSPP, Dolphin, PCSX2, ZNES, etc.) o Citra vem amadurecendo com diversas funcionalidades e performance, por exemplo com atrativos que o próprio console não possui como: possibilidade de utilização de resoluções até 10 vezes maiores que a nativa (400×240). Funcionalidades que tornam o Citra incrível

Possibilidade de jogar online em servidores não oficiais Nintendo, em salas públicas ou privados, de até 16 players simultâneos (dependendo do jogo).     Multiplayer local, caso tenha algum outro computador na mesma rede, sendo possível partidas em games como Pokémon Omega Ruby.

Aceleração de jogos via GPU, caso possua uma placa de vídeo dedicada a performance melhora drasticamente, dando uma melhor experiência.

Configuração de uma webcam, ou até mesmo a utilização de um arquivo (imagem) simulando as câmeras do console N3DS, para jogos que façam uso da função (particularmente nunca usei).

Configuração nativa de joysticks, inclusive simulando o toque da tela do portátil da Nintendo (anteriormente esta função era por meio de arquivo de configuração).    

Importação de Amiibos, para desbloqueio de funcionalidades ou objetivos em determinados jogos. Estilos de visualização de tela durante o game (duas telas, uma apenas ou uma menor e outra maior).

Lista de compatibilidade dos games locais e tema dark

A compatibilidade de jogos é documentada na Wiki oficial do emulador, nela você pode ver separado por categorias com cores que representam se o game tem emulação perfeita, jogável, ruim etc.

Baixe o Citra para a sua distro Linux

Distribuído oficialmente de duas formas no Linux (ou três se contar a compilação pelo Github deles), executável com versões diárias direto do site e em Flatpak (existia uma opção de um instalador criada por eles, mas parece que foi substituído pelo Flatpak), o emulador possui duas versões, a Nightly, que contém os mais recentes recursos testados e estáveis e a Canary, versão de teste com códigos incompletos para quem gosta de testar.   

Se você quer evitar problemas com dependências ou versão do QT em seu sistema, além de receber atualizações, é recomendável a instalação da versão em Flatpak, caso não saiba o que é Flatpak e como habilitar em seu sistema, temos uma matéria de como proceder (Como Instalar e Gerenciar Flatpaks no Linux).

Você pode simplesmente baixar o arquivo Flatpakref e dar dois cliques caso a central de aplicativos de sua distro tenha tal suporte (segue como habilitar essa função na gnome software, loja do Ubuntu) e instalar.

Versão Nightly (estável)

Versão Canary (teste)

Ou utilizar via terminal os seguintes comandos, para instalação de respectivas versões.

Versão Nightly (estável):

flatpak --user install https://flatpak.citra-emu.org/citra-nightly.flatpakref   

Versão Canary (teste):

flatpak --user install https://flatpak.citra-emu.org/citra-canary.flatpakref   

O modo manual de instalar o Citra

Caso queira o download manual da versão “não-flatpak”, basta acessar este link e clicar na opção “Manual Download”, como no exemplo abaixo.      

Depois disso extraia o arquivo “.targz”, navegue até o diretório, localize o arquivo citra-qt, e no terminal abra com o comando: ./citra Lembre-se,desta maneira você terá de baixar toda vez que sair uma versão nova do Citra manualmente e poderá ter problemas com o versionamento do QT em seu sistema. Por experiência, não recomendo esta forma, pois o Citra atualiza com muita frequência (em torno de 15 – 20 versões por semana).

Fazendo backup dos seus Saves

Caso queira fazer backup dos seus saves no Citra, basta navegar até sua pasta pessoal, exiba os arquivos ocultos e navegue até o diretório: .local/share/citra-emu/sdmc/Nintendo 3DS Basta copiar o conteúdo da pasta em um local seguro para salvar o conteúdo.

Já a configuração do seu joystick fica na sua “/home” também, na pasta oculta: “.config/citra-emu” salve o arquivo “qt-config.ini”.

Outra forma de obter o emulador é via Snap, para isso acesse essa postagem para mais informações.

Para eventuais dúvidas acesse a Wiki oficial do Citra e veja a resposta de seus desenvolvedores para assuntos como: “shared fonts” (arquivos necessários  para alguns games funcionarem, como Pokémon). Como obter jogos e Amiibos para funcionamento dentro do emulador e muito mais.

Já conhecia o Citra? Quais seus games favoritos? Deixe nos comentários se já usava o emulador ou se gostou da novidade de ser distribuído em Flatpak e Snap.

Te espero no próximo post, SISTEMATICAMENTE! 😎

Talvez Você Também Goste
Instale o emulador de Playstation 2, PCSX2 via Flatpak
Continue lendo

Instale o emulador de Playstation 2, PCSX2 via Flatpak

Muitos questionam-se o porquê, de abordarmos tutoriais com os novos formatos de empacotamento, contudo a praticidade e simplicidade de tais opções é algo que auxilia o usuário leigo e, ao mesmo tempo facilita a distribuição do software para as demais distros. Hoje falarei sobre como utilizar, configurar e instalar o PCSX2 em Flatpak.