LibreOffice 5.3 vem com novo visual e interface “Ribbon”

LibreOffice 5.3 vem com novo visual e interface "Ribbon"

Quem sempre reclamou da forma tradicionalista do LibreOffice organizar seus menus acaba de receber um grande presente. Na verdade, o “presente” ainda não chegou, pois a versão 5.3 ainda está em desenvolvimento, mas já mostra coisas interessantes.

O nome desta barra do LibreOffice obviamente não é “Ribbon”, até porque este é nome do design que a Microsoft aplica aos seus aplicativos Office, mas a lógica de funcionamento é a mesma. 

Esta nova forma de apresentação chama-se Notebookbar e atualmente ela só está disponível no LibreOffice 5.3, que no momento deste post, ainda não foi lançado.

A Notebookbar faz o mesmo que a Ribbon faz no Microsoft Office, agrupa os menus em categorias separadas em forma de abas, entretanto, o recurso ainda é experimental e não é o padrão do LibreOffice, pelo menos por enquanto.

Como testar os novos recursos?

Para testar a nova interface do LibreOffice você mesmo será necessário baixar a versão em desenvolvimento, a versão 5.3, basta acessar este endereço e baixar os pacotes para o seu sistema. 

Mesmo que você já tenha uma versão do LibreOffice instalada, as versões beta e em desenvolvimento são instaladas de formas paralela e não substituem o seu LibreOffice estável já instalado.

Depois de instalada a nova versão, será necessário fazer algumas configurações para exibir a nova interface. Clique no menu Tools>>Options

Recursos experimentais do LibreOffice

Na sessão LibreOfficeDev seleciona a opção Advanced, e do lado direito marque a caixa que ativa a opção “Enable experimental features (may be unstable)“, clique em “OK” e reinicie o LibreOffice.

LibreOffice Ribbon

Depois de reiniciar o LibreOffice vá até o menu “View” e depois em “Toolbar Layout” e selecione “Notebookbar“, logo após, vá até o menu “View” novamente, depois em “Notebookbar” e selecione “Tabbed“, pronto, desfrute do novo visual.

Se você quiser manter o seu LibreOffice sempre atualizado no Ubuntu e no Linux Mint, veja como adicionar o repositório PPA oficial da aplicação no seu sistema aqui.

Até a próxima!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste