Canonical libera o Livepatch para o Kernel Linux do Ubuntu gratuitamente

Canonical libera o Livepatch para o Kernel Linux do Ubuntu gratuitamente

A Canonical divulgou hoje um novo serviço de Livepatch para o Kernel Linux do Ubuntu, um serviço que não é inovador, afinal, outras distros como o SUSE já forneciam ele também deste o lançamento da versão 4 do Kernel, porém, é a primeira distro que está disponibilizando o recurso gratuitamente, e segundo o anúncio também, apesar da gratuidade, existe uma pequena restrição na quantidade de máquinas que você pode usar simultaneamente.

O responsável pelo anúncio foi Dustin Kirkland, ele deu destaque a acessibilidade para uma característica tão “enterprise” quanto o Live Patch. Esse recurso permite que modificações sejam aplicadas no Kernel sem a necessidade de reboot no sistema, algo muito interessante em servidores e que o Kernel Linux permite deste a versão 4.0, porém, que é normalmente restrita para usuários de distribuições que tem produtos pagos, como Red Hat, SUSE e Ubuntu.

Veja o comercial incrivelmente criativo da SUSE sobre o Live Patch

Don’t Reboot it, just patch!

Agora usuários do Ubuntu poderão desfrutar deste recurso no sistema sem precisar pagar por um limite máximo de 3 usuários diferentes, quem quiser mais do que isso, poderá comprar sob demanda.

Para habilitar essa função no seu Ubuntu, você vai utilizar os pacotes Snap basicamente e vai necessitar de um Token, esses recursos só funcionam no Ubuntu 16.04 LTS e superiores. A Canonical fez um vídeo para explicar de forma clara como o processo é feito.

No passo a passo:

1 – Acesse o site e selecione o tipo de usuário que você é e gere o seu Token. É necessário ter uma conta Ubuntu One para gerar o Token, caso você não tenha, e possível criar uma diretamente pelo site.

2 – No terminal:

sudo snap install canonical-livepatch

3 – Ativando o Token:

sudo canonical-livepatch enable [seucódigoToken]

Você pode guardar o código para poder utilizá-lo novamente se for preciso e também é possível criar outras contas Ubuntu One para você e seus amigos. Apesar do recurso ser muito útil sem servidores, quem é usuário comum também pode tirar vantagem disto.

Quem precisar contratar o serviço poderá fazê-lo por uma valor razoavelmente baixo, 12 dólares ao mês.

Bom proveito!


Newsletter Diolinux
Talvez Você Também Goste
Softwares de Windows no Linux com Wine
Continue lendo

Softwares de Windows no Linux com Wine – DioCast #12

Mais um podcast para você ouvir e aprender enquanto está extremamente ocupado na sua vida de trabalhor/estudante/vadiante ou comediante frustrado como eu. Neste episódio falamos sobre o Wine e todos os seus complementos como PlayonLinux, Crossover e Winetricks