Software da Sony, OpenColorIO, é o segundo projeto a entrar na Academy Software Foundation

Software da Sony, OpenColorIO, é o segundo projeto a entrar na Academy Software Foundation

Em Agosto do ano passado (2018), noticiamos que a Linux Foundation se juntou a Hollywood para criar um conglomerado de empresas para fomentar o uso de tecnologias e softwares open sources pela “Academia de Artes e Ciências Cinematográficas” nas produções, assim nascendo a “Academy Software Foundation” (ASWF). O OpenColorIO é o segundo projeto a entrar na chancela.

O primeiro projeto a entrar para a ASWF foi o OpenVDB, que é uma biblioteca em C++ de código aberto, desenvolvida pela DreamWorks Animation, que faz a organização de aplicações volumétricas e também  manipulação de dados para as produções. Para saber mais sobre o projeto, acesse este link.

A segunda empresa a entrar com algum projeto na ASWF foi a Sony Pictures Imageworks, com o software OpenColorIO (OCIO), que é uma ferramenta fundamental nas produções de animações e produções que usam VFX, tecnologia usada em alguns filmes famosos, como: Spider-Man ™: Into the Spider-Verse , Spider-Man ™: Homecoming , Hotel Transylvania 3 , Ghostbusters , Alice no País das Maravilhas  e Watchmen .

O anúncio foi feito por Emily Rosen Olin, Gerente Senior PR da The Linux Foundation, em um post no blog oficial do projeto. Que ainda contou com uma declaração do Vice-Presidente da Sony, Michael Ford, responsável pelo desenvolvimento de softwares dentro da companhia, com a seguinte declaração:

“O OpenColorIO sempre foi um recurso para toda a comunidade de animação visual, com muitas contribuições e compromissos externos. Queremos contribuir com a comunidade que o utiliza no dia a dia e ,a Academy Software Foundation é a opção mais natural para isto. Os desenvolvedores e empresas que o utilizam todos os dias nos darão a direção do projeto, começando com recursos que serão adicionados na nova versão 2.0.” 

Para ler o post completo, basta acessar este link da ASWF.

O OpenColorIO pode ser utilizado com alguns softwares já presentes no Linux, como o Krita, Nuke, Natron e o Blender. No momento o OpenColorIO tem o instalador para RedHat e CentOS, mas no site dele é ensinado como a compilar o programa na sua distro.

Para saber como fazer isso, basta acessar este link aqui.

Espero você no próximo post, forte abraço.


Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Talvez Você Também Goste
OBS Studio 23 é lançado para Linux, Windows e macOS
Continue lendo

OBS Studio 23 é lançado para Linux, Windows e macOS

Para quem precisa fazer uma gravação de tela para tutoriais, ou simplesmente precisa fazer uma transmissão ao vivo para o YouTube, Twitch ou Facebook por exemplo, o primeiro aplicativo que vem cabeça é o OBS-Studio. Na noite desta Segunda-feira (26), ele chegou à versão 23 para todas as plataformas.