Review Ubuntu 12.04 LTS

Após 6 meses de desenvolvimento, rumores, spoilers entre outros, foi lançando o Ubuntu 12.04 LTS , mas o 12.04 trouxe mesmo tantas mudanças ou é tudo “mimimi”  ? , confira agora neste review uma análise desta nova versão.
Instalação
Continua a mesma de versões anteriores, de modo rápido e simples, com opções de instalar ao lado de outros sistemas operacionais, instalar somenter o  Ubuntu, ou atualizar para a ultima versão, até aqui nada de novidades.
Resumo da minha  experiência com o Ubuntu 
Utilizo o Ubuntu desde a versão 10.04 lts, e quando atualizei para a 10.10, já estava totalmente acostumado ao Gnome 2.x, achava tudo lindo e prático, quando atualizei para a 11.04 que inseriu a interface unity, pensei  ”Oque fizeram com o Ubuntu ? “, admito que não me adaptei logo de inicio e voltei a usar o gnome clássico. Cheguei a testar o gnome 3.0 no Fedora, e vi que em termos de usabilidade era semelhante ao unity porém mais funcional, entretanto o menu do unity é muito superior (opinião pessoal).
Após um tempo distante voltei a usar o Ubuntu na versão 11.10 e me surpreendi com a estabilidade apresentada, fui me acostumando aos poucos principalmente com o “alt + tab + etc” , e com os atalhos novos introduzidos, logo me acostumei a achei muito prático as buscas e opções de filtragem dessa nova dash com HUD, e a barra lateral que só aparecia quando requisitada , me fez aproveitar melhor o monitor como um todo. Porém ainda faltava personalização, efeitos, janelas gelatinosas e tudo mais, após alguns updates consegui trabalhar com alguns efeitos do compiz ativados sem comprometer o unity, e com isso já conseguia grande usabilidade em relação ao gnome.
Nesse meio tempo vi algumas forks sendo desenvolvidas e me questionei se o melhor caminho seria criar novos ambientes derivados de outros, ou continuar investindo nos atuais (considero a segunda opção melhor e mais viável, opinião pessoal ok ? ) sempre gostei muito do KDE e me adaptei ao Gnome, assim como ao Unity, o Xfce também considero interessante e minimalista algo que me agrada assim como o Lxde, mas preferi continuar utilizando o Unity até como formar de incentivo para tentar quebrar tanto preconceito ou não, que é gerado em volta do mesmo.
Primeiro Boot
Resolvi fazer uma instalação limpa da 12.04, após fazer o backup e com um pendrive contendo a nova versão,  fiz a instalação, que como de costume foi rápida e simples, e após reiniciar fiquei no aguardo para saber se o 12.04 era tudo isso que dizem por ai. Confesso que me surpreendi com a estabilidade do sistema e principalmente do Unity !, agora ainda mais funcional, e mesmo que moderado com opções de personalização já inclusas. O Unity recebeu uma série de melhorias e atualmente encotra-se na versão 5.6 (logo será lançada a 5.8),  o menu  foi muito lembrado nessa hora, já que por mais prático que fosse, era confuso achar um aplicativo se não lembrasse o nome ou parte dele, agora é mais intuitivo, inclusive com filtros de busca mais inteligentes e com opções de abrir videos no youtube, etc.
Após 3 versões utilizando o Unity, acredito que agora está mais maduro e preparado, livre de muitos erros do 11.04 ( claro que ainda podem surgir imprevistos) e com a cara da Canonical, que dá a entender que agora conseguiu chegar próximo do que tanto planeja e almeja para a sua interface.
Central de Programas
Algo que sempre me agradou no Ubuntu foi a sua excelente Central de Programas. com milhares de softwares com fácil instalação, pode não parecer, mas essa facilidade atrai o usuário!. A Central foi renovada, e agora é muito mais rápida comparada com versões anteriores, algo que há tempos o pessoal da Canonical queria fazer, pois bem conseguiram.
Dash
A Dash( menu) teve algumas melhorias aplicadas, foi aprimorado e está mais poderoso do que nunca. Agora, além de pesquisar em todo o sistema, ele vai adiante, permitindo ações com aplicativos e também pesquisas na web
.
HUD (Head Up Display )
Ao pressionar a tecla “Alt”, aparecerá o HUD, que é semelhante ao “Alt + F2″ ou “Gnome-Do”, esse item também recebeu melhoria e utiliza uma abordagem inteligente baseada em pesquisa para encontrar e acessar os itens de menu que você precisa. É capaz de lembrar os itens que você usa com mais freqüência e priorizá-los nos resultados.
Unity e Configuração do Sistema
Como foi dito antes, o Unity agora tem a aba “Comportamento”, que permite uma leve costumização,para mais opções recomendo o uso do My Unity.
As configurações do sistema agora conta com o menu “Privacidade” no qual pode ser definido oque deve ou não aparecer nas buscas na dash,etc.
Softwares
Essa nova versão, conta com uma grande atualização de software, como o Firefox 12, Thunderbird, entre outros, uma mudança foi a remoção do player Banshee e o retorno do Rhythmbox ( superior ao Banshee na minha opinião).
Firefox 12 na home do EL : )
Kernel Linux
Surgiram alguns rumores dizendo que o Ubuntu não tinha cara de Linux, entre outros pois estava utilizando o nome “Kernel Ubuntu ” ao invés de “Kernel Linux” , após algumas explicações do próprio Mark Shuttleworth, de que o Kernel Ubuntu nada mais é do que o kernel linux otimizado para o Ubuntu, e até do próprio Linus Torvalds dizendo que “[…]algumas pessoas que trabalham com Kernel tendem a desmerecer o Ubuntu, mas eu acho que o Ubuntu tem a abordagem certa e centrada no usuário”, ficou claro que a Canonical quer apenas levar o Ubuntu para os seres humanos e de modo descomplicado mas sem perder o jeito Linux de ser.
Ubuntu no Brasil 
As últimas pesquisas realizadas indicam que o Ubuntu e suas variantes , é a distribuição mais utilizada no Brasil, e que passou de 1% para 2% no total, pode parecer um número insignificante, mas não é !, mostra que o trabalho começa a dar resultados. De acordo com Mark Shuttleworth a expectativa com a versão 12.04 é de que o Ubuntu chegue na marca dos 20 milhões de usuários no mundo, investimento não falta para que isso seja possível.
Conclusão
Já vi essa frase em muitos lugares mas torno a repetir, é a melhor versão do Ubuntu já lançado, rápido, estável, unity sem travamentos, hud preciso nas buscas, central de software voando, enfim, vale muito a pena instalar ou atualizar para a 12.04, lembrando que essa versão LTS agora tem suporte de 5 anos!.Quanto há algumas queixas quanto ao update, testei em um desktop com a versão 11.10 e ocorreu sem problemas, vária de user pra user.
Gostaram do review? comentem, não gosta do Ubuntu ? comente também, opiniões são bem-vindas.
Espero que tenham gostado do review e até a próxima.
Talvez Você Também Goste